Prisão preventiva

Mulher suspeita de latrocínio é presa em São Luís

Segundo a polícia, ela apontada como principal suspeita de ter participado com seu companheiro do crime de latrocínio de um agente de endmias.

Imirante.com informações da PCMA

- Atualizada em 06/05/2022 às 14h47
Após prestar depoimento na delegacia, a suspeita foi encaminhada para a unidade prisional.
Após prestar depoimento na delegacia, a suspeita foi encaminhada para a unidade prisional. ( Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS – Na manhã desta sexta-feira (6) a polícia deflagrou uma operação que resultou na prisão preventiva de uma mulher apontada como principal suspeita de ter participado com seu companheiro do crime de latrocínio, em que vitimou no dia 31 de janeiro desse ano, um Agente de Endemias, em São Luís.  

Leia também:

Suspeito de latrocínio contra idoso é preso no interior do Maranhão

Suspeito de latrocínio na capital é solto pela Justiça, diz Polícia Civil

A prisão foi realizada pelo Departamento de Proteção à Pessoa (DPP), com apoio da Superintendência Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa(SHPP).

A investigação

Durante o processo investigativo, Policiais Civis, conseguiram concluir, que o casal são suspeitos da autoria do crime de latrocínio seguido de morte contra o agente de endemias, Deiranilson de Jesus Martins, ocasião em que foi morto por disparo de arma de fogo no bairro João Paulo, em São Luís. 

Com base das investigações, no dia 18 de abril, os policiais conseguiram apreender uma moto e localizar o homem, que recebeu naquele dia, vós de prisão preventiva.

Após prestar depoimento na delegacia, a suspeita foi encaminhada para a unidade prisional, onde ela, e o companheiro, permanecerão à disposição de Justiça.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.