Eleições 2020

TRE também absolve prefeito de Mata Roma de denúncia de abuso

Nesta segunda-feira (18), corte estadual já havia absolvido prefeita de Serrano do Maranhão.

Gilberto Léda/ipolítica

- Atualizada em 18/04/2022 às 17h32
Besaliel (de vermelho) segue no comando do Município
Besaliel (de vermelho) segue no comando do Município (Divulgação)

SÃO LUÍS - O Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) concluiu nesta segunda-feira (18) o julgamento de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) contra o prefeito de Mata Roma, Besaliel Albuquerque (PDT), e decidiu pela manutenção do gestor no cargo.

Mais cedo, a corte já havia decidido também contra a cassação da prefeita de Mara Roma, Val Cunha (PL).

No caso de Mata Roma, o julgamento estava 2 x 0 pela cassação até a semana passada, quando a apreciação foi interrompida. Após a retomada, o placar foi fechado em 5 x 2 a favor do pedetista.

Besaliel foi denunciado ainda em 2020, quando, em pleno período eleitoral, promovia o chamado “Cafezinho do Besa”, considerados “banquetes” pela oposição, com distribuição de comidas, bebidas e outras vantagens a eleitores, vistas como crime eleitoral pelo MPE.

O pedetista acabou vencendo a eleição por míseros 62 votos de diferença.

“Foram colacionados prints, fotos e vídeos das redes sociais mantidas pelos demandados, para fins de registro da “DISTRIBUIÇÃO DE DÁDIVAS, BRINDES E AFINS”, o que, segundo o autor, seria como FORMA DE ANGARIAR VOTOS ILEGALMENTE. Segue alegando que houve também “a indubitável compra de votos, por meio de entrega de envelopes de dinheiro, promessas de empregos e afins”, e que tais condutas visavam à captação ilícita de sufrágio. Diante da harmonia de provas, é evidente o comprometimento da normalidade do pleito para prefeito, também considerada a diferença de votos ao final da apuração, mormente porque o representado bem sabe que o apoio dos moradores de um bairro ou povoado carente poderia lhe valer a eleição”, destacou a promotora Ilma de Paiva Pereira, ao recomendar a cassação do prefeito.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.