Grande Ilha

VÍDEO: criminosos sequestram empresário e deixam motorista de aplicativo amarrado

A polícia e o helicóptero do CTA estão realizando incursões na Vila Nestor com o objetivo de prender os criminosos.

Imirante.com

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h04
A polícia e o CTA estão realizando cerco na Vila Nestor com o objetivo de prender os criminosos
A polícia e o CTA estão realizando cerco na Vila Nestor com o objetivo de prender os criminosos (Reprodução)

SÃO LUÍS - O proprietário de um bar do Ipem/São Cristóvão, identificado como Ademar, foi sequestrado por bandidos, durante a tarde desta quarta-feira (16). O grupo criminoso ainda deixou amarrado um motorista de aplicativo em uma área de matagal, na Vila Nestor, em São Luís. Eles fugiram no veículo da vítima, um Gol branco.

Leia também em:

Durante sequestro, motorista de aplicativo é mantido em porta-malas por cerca de 3h, em São Luís

Após roubo e sequestro de motorista de aplicativo, um suspeito morre e outros três são presos na Grande São Luís

De acordo com a polícia, os criminosos primeiramente abordaram o motorista de aplicativo na área da Cidade Olímpica. A vítima foi levada para uma área de matagal, na Vila Nestor e deixada amarrada. Logo após, os bandidos se deslocaram até o Ipem/São Cristóvão utilizando o Gol branco.

Assista ao vídeo gravado por populares:

Nesse bairro, o grupo criminoso abordou o empresário na porta do seu estabelecimento comercial e retornaram à Vila Nestor, mas, acabaram se deparando com a guarnição da Polícia Militar do Maranhão (PMMA). Os criminosos abandonaram o Gol branco e conseguiram fugir do cerco policial levando o empresário.

Até o final da tarde, a polícia já tinha resgatado o motorista de aplicativo e recuperado o veículo. O cerco continua na região sendo realizado pelos militares e tendo apoio do helicóptero do Centro Tático Aéreo (CTA).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.