Foragido

Envolvido na morte do jornalista Décio Sá está foragido da Justiça após saída temporária

Marcos Bruno Silva de Oliveira deveria ter retornado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas no último dia 15 de outubro.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h10
Marcos Bruno Silva de Oliveira responde por envolvimento na morte do jornalista Décio Sá, em 2012, e por outros crimes.
Marcos Bruno Silva de Oliveira responde por envolvimento na morte do jornalista Décio Sá, em 2012, e por outros crimes. (Foto: divulgação)

SÃO LUÍS – Envolvido na morte do jornalista Décio Sá, em abril de 2012, o criminoso Marcos Bruno Silva de Oliveira está foragido da Justiça desde o última quarta-feira (15), após ser beneficiado com a saída temporária do Dia das Crianças.

O preso encontrava-se em regime semiaberto e deveria ter retornado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas em 15 de outubro. Bruno Silva foi sentenciado em 18 anos e três meses, no regime fechado, pelo crime do jornalista Décio Sá.

Além disso, Bruno Silva tem outras duas condenações, como cinco anos e 10 meses, pelo crime de roubo, e de quatro anos e dois meses por falsificação em outros crimes.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.