Ação criminosa

Mulher tem residência queimada em Santa Inês; ex-companheiro é o principal suspeito do incêndio

Incêndio foi registrado na madrugada desse sábado (21).

Imirante.com

- Atualizada em 23/05/2022 às 10h37
Chamas atingiram o telhado da residência.
Chamas atingiram o telhado da residência. (Reprodução / TV Mirante)

SANTA INÊS – Uma mulher, de 53 anos, teve a residência queimada, no bairro Mutirão, em Santa Inês, cidade distante 250 km de São Luís. A ação criminosa foi registrada na madrugada de sábado (21), e o principal suspeito é o ex-companheiro da vítima.

Leia também:

VÍDEO: incêndio atinge casarão no Centro Histórico de São Luís

Mulher tem corpo queimado ao tentar salvar filhos em incêndio

Ao perceber que a casa estava pegando fogo, a mulher acionou a Polícia Militar (PM). Quando a equipe policial chegou ao local para acionar o Corpo de Bombeiros, o fogo já tinha tomado conta do imóvel. Cômodos e móveis foram destruídos pelas chamas que chegaram até o telhado da residência.

Em depoimento dado à polícia, a proprietária do imóvel, que possui uma medida protetiva contra o seu ex-companheiro, disse que ele tinha sido visto com um galão nas proximidades de onde aconteceu o incêndio.

Após o depoimento da dona da casa, policiais se deslocaram até a residência do suspeito, localizada no bairro Vila Marconi, em Santa Inês, mas ele não foi localizado. A polícia diz que as buscas para tentar encontrar o homem continuam.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.