Em Rosário

Médico é preso por abuso sexual durante exame ginecológico

Vítima disse que o médico a colocou em posições sexuais e efetuou toques de cunho erótico.

Imirante.com, com informações da PC-MA

- Atualizada em 03/05/2022 às 18h14
O crime ocorreu em uma clínica privada de propriedade do médico.
O crime ocorreu em uma clínica privada de propriedade do médico. (Foto: divulgação)

ROSÁRIO - Um médico de 51 anos foi preso, nesta segunda-feira (25), suspeito do crime de Violação Sexual Mediante Fraude consumado. A prisão foi realizada na cidade de Rosário, interior do Maranhão, pela Polícia Civil, por intermédio da 1º Delegacia Regional de Rosário.

Leia também:

Ex-vereador de Barra do Corda é preso suspeito de estupro de vulnerável

Dois suspeitos de estupro de vulnerável são presos no Maranhão

Tio e avó são presos suspeitos de estupro de vulnerável

De acordo com a polícia, na ocasião, a vítima de 26 anos, que estava em uma consulta ginecológica relatou que foi abusada sexualmente por meio de diversas carícias e toques, além de ser colocada em diversas posições sexuais com perguntas de cunho erótico, situação que segundo a vítima durou vários minutos.

O crime ocorreu em uma clínica privada de propriedade do médico. Segundo a polícia, ainda existiam outras ocorrências da mesma natureza praticadas pelo suspeito.

De imediato, a vítima procurou a Delegacia Regional de Rosário para buscar auxílio, oportunidade em que foi determinado que equipe localizasse o médico, efetuasse a captura para a elaboração da lavratura do auto de prisão em flagrante.

Após a lavratrura do Auto de Prisão em Flagrante, o médico foi encaminhado para a Unidade Prisional de Rosário e a vítima para o IML para os devidos exames periciais.
 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.