Indenização

Motociclista atingindo por fio elétrico será indenizado pela Cemar

O material enroscou no pescoço do motociclista, levando-o ao chão e causando várias lesões corporais e danos à moto.

Imirante.com, com informações do TJ-MA

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h45
(Arte: Maurício Araya/Imirante.com)

ROSÁRIO - A 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) manteve, por unanimidade, a decisão do Juízo da 2ª Vara de Rosário, que condenou a Companhia Energética do Maranhão (Cemar) a indenizar em R$ 17 mil o motociclista Jonas dos Santos Muniz, acidentado após ser atingido por um fio da rede elétrica.

De acordo com o processo, em outubro de 2012 o motociclista foi surpreendido pela fiação quando trafegava por uma rua. O material enroscou-se no seu pescoço levando-o ao chão e causando várias lesões corporais e danos à moto.

O processo teve como relator o desembargador Jamiel Gedeon. Em seu voto, ele destacou que a Cemar é responsável pela manutenção da rede elétrica, independente de prova de culpa, sendo suficiente para o reconhecimento do dever de indenizar a ocorrência do dano, a autoria da conduta e o nexo causal.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.