Fuga

Dois dos cinco fugitivos de presídio em Pinheiro morrem em confronto com a polícia

Fuga foi registrada na manhã dessa sexta-feira (29), por meio de um buraco feito no muro da unidade prisional.

Imirante.com

- Atualizada em 30/07/2022 às 12h43
Presídio de Pinheiro, de onde os cinco homens fugiram.
Presídio de Pinheiro, de onde os cinco homens fugiram. (Foto: Divulgação)

PINHEIRO - Dois dos cinco detentos que fugiram, na manhã dessa sexta-feira (29), da Unidade Prisional de Pinheiro, cidade da região da baixada maranhense, morreram durante confronto policial, ainda na noite de sexta-feira.

De acordo com a Polícia Militar (PM), os cinco homens fugiram, por volta das 11h, da Unidade Prisional de Pinheiro, por meio de um buraco feito no muro do presídio que fica às margens da MA-106.

Ao ser informada da fuga, uma equipe do Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Militar do Maranhão (PMMA), iniciou as buscas pelo local onde os suspeitos fugiram, em apoio aos demais agentes penais que estavam na área. 

Por volta das 14hs, a equipe recebeu informações que três dos elementos fugitivos haviam sido vistos pelo povoado Cajazeiras, zona rural de Pinheiro. Por meio de levantamento colhido de moradores do povoado, tudo indicava que os suspeitos buscavam sair no povoado Rio dos Peixes.

Com base nessa informação, os policiais do GOE se deslocaram até o povoado Cajazeiras e, por volta das 17hs, souberam por um morador que haviam passado três homens com as mesmas características dos fugitivos. De imediato, os militares iniciaram as buscas por uma região de mata do povoado.

Por volta das 19h, os policiais do GOE se depararam com os três fugitivos que estavam em posse de um facão. Os militares ainda pediram para que o trio se rendesse, mas dois dos suspeitos foram contra e o terceiro, identificado como Benedilson Silva Mafra, de 27 anos, conseguiu fugir.

Os dois fugitivos que resistiram a prisão e tentaram atacar os policiais foram baleados durante o confronto. Os dois homens, que não tiveram os nomes revelados pela polícia, receberam os primeiros socorros no local e, em seguida, foram encaminhados ao Hospital Regional Dr. Antenor Abreu, em Pinheiro, onde morreram assim que deram entrada.

Ainda segundo a polícia, todos os fugitivos são considerados de alta periculosidade. Diante dos fatos, todo o material recolhido foi apresentado na Delegacia Regional de Pinheiro para os procedimentos cabíveis.

A polícia segue nas buscas para localizar e prender os outros três homens que fugiram da unidade prisional.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.