Acidente

Avião da Malaysia Airlines foi abatido por um míssil

O voo MH17, com 295 pessoas a bordo, caiu no Leste da Ucrânia; Não há sobreviventes.

Agência Brasil

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h52

KIEV - Um avião da Malaysia Airlines que ia de Amsterdã para Kuala Lumpur, que estava desaparecido, caiu no Leste da Ucrânia perto da fronteira russa nesta quinta-feira (17). Segundo o Ministério do Interior ucraniano, o voo MH17 teria sido abatido por um míssil Buk terra-ar, e não há sobreviventes.

[e-s001]

Segundo comunicado da presidência da Ucrânia, o presidente do país expressou pesar pela tragédia.

“O presidente da Ucrânia expressou suas profundas e mais sinceras condolências aos amigos e parentes dos mortos nesta terrível tragédia. Todas as ações possíveis de busca e resgate estão sendo conduzidas”, acrescentou o comunicado, que destacou a criação de uma comissão para investigar o caso.

 Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

De acordo com informações da Malaysia Airlines, o Boeing 777 saiu de Amsterdã às 12h14 e o último contato com o voo MH17, que partiu de Amsterdã com destino a Kuala Lumpur, foi feito quando o avião sobrevoava a Ucrânia

Veja imagens feitas despois da queda do avião.

O avião tinha 295 pessoas a bordo, 280 passageiros e 15 tripulantes. Segundo o governo ucraniano, logo após a queda, pelo menos cem corpos foram vistos num raio de cerca de 15 quilômetros do local do acidente.

Até o momento, tanto o governo russo quanto os separatistas ucranianos negam envolvimento com a queda do avião. Petro Poroshenko determinou a criação de uma comissão para investigar o acidente e chamou a derrubada do avião de "ato terrorista”.

Outros casos

Esta é a terceira tragédia registradas nos últimos dias, depois de aeronaves militares ucranianas An-26 e SU-25 terem sido derrubadas no território russo

No último dia 8 março, o Boeing 777, da mesma companhia, desapareceu do radar 40 minutos após ter partido de Kuala Lumpur com destino a Pequim, levando 239 pessoas a bordo. Equipes fizeram por semanas buscas na região, mas o avião nunca foi encontrado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.