Cerco policial

PRF inicia operação Eleições 2022 nas estradas federais do Maranhão

As ações da operação acontecem em todo o país e tem como objetivo garantir a segurança na votação, fluidez das vias e reprimir crimes eleitorais.

Imirante.com

- Atualizada em 03/10/2022 às 10h07
A PRF iniciou a operação Eleições 2022, no Maranhão.
A PRF iniciou a operação Eleições 2022, no Maranhão. (Divulgação PRF)

MARANHÃO -  Os policiais rodoviários federais iniciaram nesta quarta-feira (28) e vai até o próximo dia 3 de outubro a 1ª fase da operação Eleições 2022 em todas as estradas federais do Maranhão e dos outros estados do país.

Leia também em: 

Doze veículos são apreendidos durante operação da PRF em Barreirinhas

Homem armado é detido após tentar fugir da fiscalização da PRF em Balsas

Segundo a PRF, a fiscalização será reforçada durante essa operação com o objetivo de garantir a segurança do direito ao voto, a fluidez a fluidez no trânsito das rodovias federais e o combate aos mais diversos crimes, principalmente os eleitorais, como boca de urna, corrupção, transporte irregular de eleitores e compra de votos.

Os policiais também vão ficar atentos nas vias para evitar infrações como transporte irregular de passageiros, embriaguez ao volante e ultrapassagens indevidas para evitar a ocorrência de acidentes graves durante o período de maior movimentação nas estradas.

A PRF ainda informou que as ações serão realizadas em conjunto com outros órgãos e monitoradas em tempo real por meio do Centro de Comando e Controle Nacional (C3N), em Brasília, e contando com o apoio de gabinetes de crise mobilizados em todos os estados.

Para as denúncias e comunicação de crimes e acidentes em rodovias federais, a PRF dispõe do número de emergência 191. A ligação é gratuita e atende 24 horas em qualquer parte do Brasil.

Irregularidade

Nas eleições de 2020, que ocorreu no mês de novembro, os policiais rodoviários federais flagraram três ônibus na BR-135, em São Luís, que estavam transportando eleitores para o interior do Maranhão.

De acordo com a PRF, o flagrante foi feito durante a operação Eleições 2020, que visa coibir a prática de crimes eleitorais nas rodovias federais que cortam o Maranhão. Após falar com alguns passageiros, os policiais constataram que dois ônibus haviam sido fretados para transportar eleitores de São Luís até o município de Santa Inês, a mando de um candidato. 

Enquanto, o terceiro veículo flagrado levaria eleitores para o município de Cajapió a pedido, também, de um candidato. Diante dos fatos, a PRF constou a suspeita de crime eleitoral, com base no Art. 302 do Código Eleitoral.


 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.