Tentativa de assalto

Motorista de aplicativo corre risco de ficar paraplégico após ser vítima de tentativa de assalto em São Luís

Jesiel Costa Cantanhede está internado no Socorrão I, com uma bala alojada na coluna.

Imirante.com, com informações da TV Mirante

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h33
Jesiel Costa Cantanhede foi vítima de uma tentativa de assalto na última terça-feira (18).
Jesiel Costa Cantanhede foi vítima de uma tentativa de assalto na última terça-feira (18). (Reprodução / TV Mirante)

SÃO LUÍS - O motorista de transporte por aplicativo que foi baleado em uma tentativa de assalto na última terça-feira (18), na Avenida São Luís Rei de França, em São Luís, corre o risco de ficar paraplégico. Jesiel Costa Cantanhede, de 25 anos, está internado no Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I), com uma bala alojada na coluna, e a família está preocupada com a demora na liberação de um procedimento cirúrgico para retirada do projétil.

Saiba mais: Tentativa de assalto termina com motorista baleado e quatro pessoas atropeladas em São Luís

Após ser assaltado por três criminosos e baleado nas costas no bairro Vicente Fialho, Jesiel Costa ainda conseguiu dirigir até a Avenida São Luís Rei de França, no bairro Turu, onde perdeu o controle do veículo e atingiu um homem e três crianças, além de uma moto e um carro. O homem fraturou a perna, e as crianças tiveram ferimentos leves. Os assaltantes, por sua vez, conseguiram fugir.

Familiares de Jesiel Costa revelaram, em entrevista à TV Mirante, que um leito foi disponibilizado no Hospital Universitário Presidente Dutra, mas a transferência para fazer a cirurgia só poderá ser liberada após o parecer de um neurocirurgião. A família diz ainda que Jesiel está recebendo sedativos para que possa ficar em observação no Socorrão I.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informou que a direção do Socorrão I está em contato permanente com a família de Jesiel Costa e que o estado de saúde dele é estável. Ainda de acordo com a Semus, caso a família do motorista opte por um procedimento cirúrgico, o laudo será emitido para transferência.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.