Ação violenta

Jovem suspeito de agredir e amarrar a própria mãe é preso em Codó

O ato criminoso circulou nas redes sociais e o suspeito vai responder pelo crime de violência doméstica.

Imirante.com

A vítima foi amarrada e o suspeito vai responder pelo crime de violência doméstica.
A vítima foi amarrada e o suspeito vai responder pelo crime de violência doméstica. (Foto: Reprodução)

CODÓ -  Um jovem, não identificado, de 19 anos, foi preso nesta quinta-feira (15) por guarnições militares, em Codó, interior do Maranhão, suspeito de ter agredido fisicamente a própria mãe. A vítima teve os pés e as mãos amarrados.

Leia também em: 

Homem é morto a pauladas na cabeça, em Codó

Onze pessoas são presas durante cerco policial em Codó

Um vídeo chegou a circular nas redes sociais mostrando o ato de violência. A vítima aparece deitada no chão com os pés e as mãos amarrados e pedindo para ser solta. O suspeito também aparece nas imagens dizendo que teria brigado com a sua genitora devido um carrão de mão com carvão.

A Polícia Militar informou que a mãe e filho seriam usuários de droga, residem no povoado KM – 17, zona rural de Codó e discutem de forma frequente. Na quinta-feira, funcionários do hospital da cidade informaram aos militares que havia um paciente com marcas de faca na cabeça e nos braços. 

Os militares ainda ficaram sabendo que o jovem foi esfaqueado por populares em razão de ter agredido fisicamente a própria mãe, no povoado KM-17.

A polícia também informou que o jovem até o começo da noite estava internado no hospital da cidade, mas, após receber alta médica, vai ser levado para a delegacia e responder pelo crime de violência doméstica.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.