Em Alcântara

Acusado de liderar ataques em São Luís morre em confronto com a polícia

Genilson Pereira, conhecido como “Baiacu”, estava foragido da Justiça.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h14
Genilson Pereira, conhecido como “Baiacu”. / Foto: Divulgação.
Genilson Pereira, conhecido como “Baiacu”. / Foto: Divulgação.

ALCÂNTARA – Na madrugada desta quarta-feira (20), um foragido do sistema penitenciário do Maranhão, identificado como Genilson Pereira, conhecido como “Baiacu”, morreu em confronto com a polícia.

Saiba mais sobre Genilson Pereira:

Homem acusado por crimes na Liberdade é preso em hospital

Justiça condena homem que cometeu homicídio no São Cristóvão​

Líderes da rebelião em Pedrinhas são transferidos​

Segundo as informações da PM, a polícia recebeu denúncias anônimas de que havia um homem ameaçando populares em uma região próxima ao Cujupe e o que o mesmo estaria no povoado Cagiba, em Alcântara.

Equipes do Grupo de Operações Especiais (GOE) de Pinheiro e a Guarnição de Alcântara foram ao local e encontraram Genilson em um barracão. O local foi cercado e a polícia determinou que o homem se entregasse, porém Genilson se recusou a sair do barracão e ainda atirou contra os policiais, chegando a atingir o escudo balístico da equipe.

A polícia revidou ao ataque e acabou alvejado Genilson Pereira. O homem foi socorrido e levado para o hospital de Alcântara, onde foi constatado o óbito do mesmo.

Genilson Pereira morreu a tiros. / Foto: Divulgação.
Genilson Pereira morreu a tiros. / Foto: Divulgação.

Ainda de acordo com a polícia, Genilson Pereira é conhecido no mundo do crime, sendo líder de uma facção criminosa, além de ser suspeito de coordenar ataques a ônibus em São Luís, no ano de 2016. Genilson também respondia por homicídio, assaltos e organização criminosa.

Saiba mais sobre o caso:

Mais uma tentativa de ataque a ônibus é registrada na Região Metropolitana de São Luís

Suspeitos de ataques criminosos na Região Metropolitana de São Luís são apresentados na Seic

Justiça começa a ouvir acusados de participação em ataques a ônibus e prédios públicos em São Luís

Justiça interroga acusados de ataques a ônibus em São Luís

Material apreendido. / Foto: Divulgação.
Material apreendido. / Foto: Divulgação.

Com Genilson Pereira a polícia apreendeu um revólver cal. 38 com numeração suprimida, além de duas munições intactas e uma munição deflagrada.







Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.