Dia Internacional das Meninas

Grupo Mirante apoia ações do #MeninasOcupam realizado pela Plan International Brasil

Mirante FM receceu Keyce Furtado, de 16 anos, para participar do programa "Hello", ao lado de Heloisa Batalha.
Na Mira, com informações da Assessoria11/10/2019 às 15h48
Grupo Mirante apoia ações do #MeninasOcupam realizado pela Plan International BrasilHeloisa Batalha recebeu Keyce Furtado no estúdio da Mirante FM. (Foto: Paulo Pontes/Imirante.com)

SÃO LUÍS - Nesta sexta-feira (11), a rádio Mirante FM, do Grupo Mirante, receceu Keyce Furtado, de 16 anos, para participar do programa "Hello", apresentado por Heloisa Batalha. A visita especial se dá por conta do Dia Internacional das Meninas.

Durante todo o mês, meninas dos projetos da organização não-governamental Plan International Brasil participam do movimento #MeninasOcupam, que promove ocupações em espaços públicos e privados em cidades dos estados do Maranhão, de São Paulo, Bahia, Piauí e Rio de Janeiro. O objetivo é que as meninas mostrem ao mundo todo seu potencial, em busca da igualdade de oportunidades entre meninas e meninos.

Este ano, o movimento #MeninasOcupam levantará a bandeira da campanha mundial Meninas Pela Igualdade, realizada pela Plan International. O objetivo é promover a voz e a liderança das meninas. O foco está no modo como as meninas são representadas na imprensa, nos meios culturais e em outras mídias. A ideia é contestar os estereótipos de gênero recorrentes nesses meios, que são limitantes tanto para meninas quanto para meninos. O movimento acontece no Brasil desde 2016.

Um levantamento da Plan International aponta que há duas vezes mais personagens masculinos do que femininos entre os 56 filmes de maior bilheteria lançados no ano passado em 20 países. A pesquisa também concluiu que as personagens mulheres têm mais chance de serem retratadas como objetos sexuais e menos chance de aparecerem como líderes em comparação aos personagens masculinos.

Também faz parte do movimento #MeninasOcupam despertar a percepção da sociedade em geral sobre a importância da igualdade de gênero e de oferecer às meninas oportunidades para que elas se desenvolvam em todos os aspectos da vida, com acesso à educação, chances de crescimento profissional, econômico, emocional e livres de situações de violência.

#MeninasOcupam na prática

As ações do movimento #MeninasOcupam permitem que as jovens ocupem por algumas horas cargos de liderança em instituições públicas e privadas, mostrando que a liderança também é um lugar para as meninas. São postos em instituições públicas, como governo do estado, prefeituras, secretarias e Ministério Público, instituições privadas, como direção de empresas, e da mídia, no lugar de apresentadores de TV, jornalistas de veículos impressos e rádios.

“Acreditamos que o movimento #MeninasOcupam é o momento de mostrar à sociedade toda a potência das meninas. Este ano, queremos reforçar que os estereótipos negativos replicados pela sociedade e pela mídia se tornam obstáculos para que as meninas atinjam seu potencial máximo”, diz Cynthia Betti, diretora executiva da Plan International Brasil. “Com nossa campanha Meninas Pela Igualdade, conseguimos destacar as barreiras enfrentadas pelas meninas para acessar direitos e representatividade. É uma oportunidade de engajar as pessoas para um mundo mais igual, em que as meninas possam desenvolver seus potenciais”, diz Cynthia.

Neste movimento de impacto nacional, a Plan International Brasil tem mais de 50 ocupações já programadas nos estados em que atua com projetos como a Escola de Liderança para Meninas. No ano passado, mais de 550 jovens participaram das ocupações no Brasil. No mundo todo, a Plan International registrou mais de 1 mil iniciativas para o movimento em 70 países, organizados sob a hashtag #GirlsTakeover.

As primeiras ações já começaram a ocorrer desde o início de outubro e as principais estão concentradas na semana de 7 a 11, que termina exatamente no Dia da Menina. O movimento continua durante todo o mês de outubro. “A amplitude do #MeninasOcupam contribui para aumentar a conscientização sobre os direitos das meninas e desperta em mais meninas pelo mundo a iniciativa para que sejam protagonistas de suas próprias histórias”, afirma Viviana Santiago, gerente de gênero e incidência política da Plan International Brasil.

São muitos os locais que abrirão portas para as ocupações apoiando o empoderamento das meninas. Em São Luís, destaque para a ocupação do Governo do Estado, no lugar do governador Flavio Dino. Também haverá ocupações na Assembleia Legislativa, na prefeitura de São Luís, em diversas secretarias e outros órgãos públicos. Nos meios de comunicação, vale destacar a ocupação no Grupo Mirante.

Em São Paulo, as meninas estarão no Instituto Tomie Ohtake, na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), na The Body Shop Brasil, na AstraZeneca. No Piauí, secretarias municipais de Teresina também serão ocupadas. No Rio de Janeiro, uma menina ocupará o programa Encontro com Fátima Bernardes, na TV Globo. No total, a Plan tem pelo menos 74 ocupações já confirmadas, com outras ainda em fase de confirmação.

Veja abaixo a agenda do Maranhão, que inclui ocupações em São Luís e em cidades da região de Codó.

São Luís

07/10 – segunda-feira, às 7h30 - TV Assembleia: duas meninas serão entrevistadas no programa TV Assembleia pela apresentadora Elda Borges.

08/10 – terça-feira, 15h às 18h - Evento Cine Direitos Humanos: uma menina será mediadora do debate sobre as temáticas do casamento infantil. O evento é organizado pela Secretaria dos Direitos de Crianças e Adolescentes da Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular.

09/10 – quarta-feira, 9h às 12h - Assembleia Legislativa do Maranhão: ocupação do cargo da deputada estadual Daniela Tema.

Horário a definir - Procuradoria da Mulher: ocupação do espaço.

10/10 – quinta-feira

Horário a definir - Secretaria Estadual da Mulher: ocupação do cargo da secretária e da assessoria de comunicação.

14h30 - Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude do Ministério Público: ocupação do cargo do coordenador, Dr. José Menezes.

16h30 - Defensoria Pública do Estado: ocupação do cargo da defensora geral.

11/10 – sexta-feira – Dia da Menina

8h - Escola Superior do Ministério Público: ocupação da diretoria da escola, no lugar de Marcio Tadeu.

8h - Ministério Público: Uma menina ocupará a rádio web do MP.

9h às 11h - Casa da Mulher Brasileira e todos os seus órgãos: meninas ocuparão o Ministério Público, a Defensoria Pública, CRAM, Patrulha Maria da Penha, Tribunal de Justiça, Delegacia da Mulher, Setor de Feminicídio e Biblioteca.

12h às 18h - Secretaria Extraordinária de Articulação de Políticas Públicas: ocupação da secretaria.

13h às 16h - Grupo Mirante: Duas meninas participarão do programa de rádio Hello, com Heloisa Batalha.

16h às 18h - Governo do Estado do Maranhão e secretarias de Articulação Política, Direitos Humanos, Saúde e Educação: ocupação do cargo do governador Flávio Dino e de seus secretários.

Horário a definir - Secretaria da Juventude: Duas meninas ocuparão a secretaria.

14/10 – segunda-feira, 14h às 17h30

Secretaria Municipal de Assistência Social: ocupação da secretaria e da assessoria de comunicação.

15/10 – terça-feira

Horário a definir

Prefeitura de São Luís e Secretaria de Comunicação: quatro meninas ocuparão o cargo do prefeito e a secretaria.

Horário a definir

Empresa Maranhense de Administração Portuária: ocupação da presidência e de diversas gerências da EMAP.

Horário a definir

Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão: meninas ocupam a presidência do órgão.

16/10 – quarta-feira

10h às 12h

Rádio Tambor: duas meninas serão entrevistadas na rádio.

14h às 17h30

Secretaria Estadual da Educação: ocupação da secretaria.

18/10 – sexta-feira, às 10h

Câmara de vereadores: uma menina participará da audiência pública sobre enfrentamento ao bullying.

22/10 – quinta-feira

Horário a definir (à tarde)

Reitoria do IFMA: duas meninas ocuparão o cargo do reitor.

29/10 – terça-feira

À tarde

OAB-MA: a menina Julia Rebeca fará uma palestra no Fórum da Mulher e Advogada sobre os direitos das meninas.

Codó e região

08/10 – terça-feira, 8h às 12h

Codó – Câmara Municipal: ocupação do cargo do vereador Max Tony Oliveira de Sousa.

09/10 – quarta-feira

8h às 12h

Codó – Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE): ocupar o posto do diretor-geral Evimar Jean Costa Barbosa, conhecer a estrutura do SAAE, reunir-se com a equipe de gestão e visitar o laboratório de análise de água.

6h às 10h

Codó – FC TV: Uma menina fará a cobertura das ocupações do dia 9 e uma reportagem relacionada ao movimento na cidade.

6h às 10h

Codó – FC Oliveira: uma menina visitará a indústria. Haverá uma reunião com a equipe de gestão.

10/10 – quinta-feira

8h às 12h

Peritoró – Câmara Municipal: ocupar o cargo da vereadora Lionete Araújo Coelho para levar o projeto de lei do Dia da Menina para a sanção do prefeito.

8h às 12h

Peritoró – Prefeitura – ocupar o lugar do prefeito Josias Lima Oliveira, receber advogados e sancionar a lei municipal que estabelece o Dia da Menina.

8h às 12h

Peritoró – Secretaria de Assistência Social: ocupar o cargo do secretário Francisco Francilel Santos da Costa, acompanhando reunião com a equipe. Receber e assinar documentos e participar da entrega do projeto de lei do Dia Municipal da Menina na prefeitura.

8h às 12h

Peritoró – Coordenação de Atenção Básica – SEMUS: ocupar o cargo da coordenadora Cristiane Oliveira e participará de reuniões com a equipe e com o secretário de Saúde. Receber documentos para assinar e participar da entrega do projeto de lei do Dia Municipal da Menina na prefeitura.

11/10 – sexta-feira – Dia da Menina

9h às 12h

Codó – Prefeitura: ocupar o cargo do prefeito Francisco Nagib de Oliveira Buzar

11h às 13h

Codó – TV Codó: ocupar o lugar do apresentador Helcio Costa

8h às 12h

Timbiras – Prefeitura: ocupar o cargo do prefeito Antonio Borba Lima, que sancionará a lei que estabelece o Dia da Menina.

8h às 12h

Timbiras – Câmara Municipal: ocupar o cargo da vereadora Rute do Nascimento Lima.

8h às 12h

Timbiras – Secretaria de Assistência Social: ocupar o cargo da secretária Aurelice Gomes Fonseca, acompanhando reunião com a equipe e assinatura de documentos.

14/10 – segunda-feira, horário a definir

Peritoró – Câmara Municipal: uma menina ocupará o cargo da vereadora Lionete Araújo Coelho durante a votação para a aprovação do projeto de lei que estabelece o Dia da Menina.

21/10 – segunda-feira

8h às 12h

Codó – Plan International Brasil: ocupação dos cargos de coordenador de programas, no lugar de Atalício Moreira, e de coordenador de construção de rede, no lugar de João Felipe Ferreira.

Sobre a Plan International

A Plan International é uma organização humanitária, não-governamental e sem fins lucrativos que promove os direitos das crianças e a igualdade para as meninas. Acreditamos no potencial de todas as crianças, mas sabemos que isso é muitas vezes reprimido por questões como pobreza, violência, exclusão e discriminação. E as meninas são as maiores afetadas. Trabalhando em conjunto com uma rede de parcerias, enfrentamos as causas dos desafios de meninas e crianças em situação vulnerável. Impulsionamos mudanças na prática e na política nos níveis local, nacional e global, utilizando o nosso alcance, a nossa experiência e o nosso conhecimento. Construímos parcerias poderosas há mais de 80 anos e que se encontram hoje ativas em mais de 70 países.

Sobre a Plan International Brasil

A Plan International chegou ao Brasil em 1997. Desde então, se dedica a garantir os direitos e promover o protagonismo das crianças, adolescentes e jovens, especialmente meninas, por meio de seus projetos, programas e ações de incidência e de mobilização social. Tem também viabilizado condições de subsistência em comunidades que sequer tinham acesso a recursos essenciais, como a água. Implementamos projetos no Maranhão, no Piauí, na Bahia e em São Paulo. Nossas estratégias, atuando em rede com outras organizações do terceiro setor e movimentos sociais, têm pautado as demandas das meninas em novos espaços do Legislativo, Executivo e na sociedade civil, alcançando todo o território nacional. A Plan International Brasil foi eleita como uma das 100 melhores ONGs do Brasil em 2017 e 2018 pelo “Melhores ONGs – Instituto Doar/Rede Filantropia”. Mais informações: www.plan.org.br

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.