Literatura

Riqueza literária: um passeio pelas academias de letras maranhenses

Conheça a Federação das Academias de Letras do Maranhão: FALMA.
Anne Cascaes/ Na Mira 03/01/2019 às 08h32

MARANHÃO - Terra que abarca momentos de lutas e alegrias, o Maranhão foi palco de inspiração para grandes nomes da literatura e berço de escritores como Maria Firmina dos Reis, Aluísio de Azevedo, Graça Aranha, Josué Montello e tantos outros.

Escritores Maranhenses Maria Firmina, Aluísio de Azevedo, Graça Aranha e Josué Montello.

Foto: reprodução

Tesouros em forma de livros compõem o legado deixado por quem aqui nasceu e daqui escreveu histórias que até os dias de hoje ressoam e ensinam diversas gerações dos amantes das letras e demais artes.

Com tanta história, é improvável não notar a continuidade da influência que a literatura possui nos dias de hoje. Prova disso, é a existência de 28 academias de letras, ciências e artes, afiliadas à Federação das Academias de Letras do Maranhão (FALMA), espalhadas pelo Estado.

Localidades das sedes das academias afiliadas à Falma.

Arte: Anne Cascaes

A Falma, fundada no ano de 2008, é uma entidade sem fins lucrativos, composta pelas Academias de Letras, Artes e afins que estão sediadas em cidades do Maranhão. Entre os objetivos sociais da Federação, está o incentivo e difusão da cultura literária e artística em todo o Maranhão através de suas afiliadas.

Leia também:

Poeta nordestino vence maior prêmio de literatura do Brasil

Autor lança literatura divertida para crianças em cidades maranhenses

Literatura de Cordel é reconhecida como Patrimônio Cultural do Brasil

Além disso, a entidade trabalha para o desenvolvimento e aprimoramento cultural da sociedade maranhense e, junto das academias afiliadas, elabora projetos que objetivem o cumprimento e ampliação de suas finalidades culturais.

“Nos anos 2013 e 2014 foram realizadas no Odílo Costa, filho, Mostras Literárias das Academias do Estado, tendo a frente a escritora Ceres Fernandes. A Falma conseguiu, na época, agregar ao evento 22 Academias de Letras com muita repercussão entre os membros das diversas instituições literárias”, orgulha-se a escritora e atual secretária da Falma e presidente da Academia Itapecuruense de Letras, Jucey Santana.

Recentemente, a Falma teve dois importantes encontros das suas afiliadas durante a 12ª Feira do Livro de São Luís (FeliS), com membros de todas as Academias, para discussão de questões relacionadas a produção literária de seus membros.

Na diretoria do Biênio (2018-2020), encontram-se o presidente João Francisco Batalha, da cidade de Arari; a Vice-Presidente Clores Silva Holanda, de São Luis; a secretária Jucey Santos de Santana de Itapecuru Mirim; o secretário Adelson de Sousa Lopes, de São Luis; e o tesoureiro Carlos César Silva Brito, do município de Matinha.

Veja a lista das afiliadas:

  • 1 – Academia Maranhense de Letras;
  • 2 – Academia Imperatrizense de Letras;
  • 3 – Academia Arariense/Vitoriense de Letras;
  • 4 – Academia Barracordense de Letras;
  • 5 – Academia Barreirinhense de Letras;
  • 6 – Academia Brejense de Letras;
  • 7 – Academia Caxiense de Letras;
  • 8 – Academia Grajauense de Letras;
  • 9 – Academia Pinheirense de Letras, Artes e Ciências;
  • 10 – Academia Sambentuense de Letras;
  • 11 – Academia Vianense de Letras;
  • 12 – Academia Itapecuruense de Ciências Letras e Artes;
  • 13 – Academia de Pastos Bons;
  • 14 – Academia Maçônica Maranhense de Letras;
  • 15 – Academia Zedoquense de Letras;
  • 16 – Academia Anajatubense de Letras, Ciências e Artes;
  • 17 – Academia Matinhense de Ciências, Letras e Artes;
  • 18 – Academia Ludovicense de Letras;
  • 19 – Academia Bacabalense e Letras;
  • 20 – Academia Atheniense de Letras e Artes;
  • 21 - Academia Icatuense de Letras, Ciências e Artes;
  • 22 – Academia Bacabalense de Letras;
  • 23 – Academia Luminense de Letras (Paço do Lumiar);
  • 24 - Academia Bernardense de Letras;
  • 25 – Academia de Letras, Ciências e Artes Perimiriense;
  • 26 – Academia Esperantinopense de Letras;
  • 27 – Academia Arariense de Letras Artes e Ciências;
  • 28 – Academia Joao Lisboensense de Letras.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.