Em Minas Gerais

Show de Marília Mendonça termina em arrastão e prisões

De acordo com a polícia, apresentação surpresa teve 46 boletins de ocorrência e 14 pessoas foram presas.
Na Mira08/10/2019 às 13h47
Show de Marília Mendonça termina em arrastão e prisõesMarília Mendonça fez show em Belo Horizonte. (Foto: Reprodução)

BELO HORIZONTE - Na noite dessa segunda-feira (7), um arrastão marcou o fim do show de Marília Mendonça, que foi realizado na Praça da Estação. A apresentação surpresa e aberta ao público, faz parte do projeto "Todos os Cantos", em que a cantora grava uma música inédita em cada capital do país. Ontem, foi a vez da gravação de "Graveto". As informações são do G1 de Minas Gerais.

Já no fim do show, um tumulto começou em frente ao palco, onde milhares de pessoas que assistiam à apresentação deixaram o local às pressas. Desesperadas, elas correram pelas ruas. Marília Mendonça e sua equipe foram escoltados do hotel até a Praça da Estação, antes da apresentação, e depois, no caminho de volta para o hotel.

Assista ao momento da confusão:

De acordo com o major Flávio Santiago, porta-voz da PM, 46 boletins de ocorrência foram registrados pela corporação durante o show e 14 pessoas foram presas, por arrastões e tráfico de drogas.

De acordo com a Guarda Municipal, antes do show começar, um homem foi esfaqueado em um bar ao lado da Praça da Estação. O suspeito foi preso e a vítima, levada para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII.

A produção local do show informou, por meio de nota, que adotou "todos os procedimentos necessários para a realização do evento na Praça da Estação" e que a estimativa de público de 15 mil pessoas teve como base o que foi registrado “nas outras 15 capitais que receberam a turnê anteriormente”.

Leia na íntegra a nota da equipe de Marília Mendonça:

"Sobre o ocorrido no último show da Marília Mendonça em Belo Horizonte/MG, seguem alguns esclarecimentos:

- O projeto “Todos Os Cantos” consiste em fazer surpresa aos fãs de uma determinada cidade. A cantora chega em um local previamente organizado pela produção e realiza um show gratuito.

- A surpresa é para o público. Todas as autoridades locais são previamente avisadas e as autorizações solicitadas aos órgãos de segurança local, que libera o alvará para a realização do evento.

- Em cada cidade é feita uma estimativa de público, que dependendo do local, pode ser maior ou menor. Em Belo Horizonte, além das equipes da Policia Militar e da Guarda Civil, a produção da cantora contratou um contingente de mais 100 seguranças privados, além de seguir todas as orientações das autoridades locais.

- Marília lamenta profundamente os fatos relatados e reforça que o projeto é uma maneira de retribuir ao seu público, através do show gratuito, o carinho que recebe dos fãs. A cantora lamenta ainda o fato de que infelizmente, esse tipo de situação tem se tornado rotineira em eventos, pagos ou não, que acumulam um grande número de pessoas no Brasil."

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.