Sequelas da Covid-19

Joelma é diagnosticada com esofagite, gastrite e edema

Joelma preocupou os fãs durante show na última semana ao surgir com o rosto inchado em Parauapebas, no Pará.

Na Mira, com informações do g1

Joelma precisou ser internada na última terça-feira (7), para realizar exames sobre o inchaço no rosto que vem sofrendo como sequela da Covid-19.
Joelma precisou ser internada na última terça-feira (7), para realizar exames sobre o inchaço no rosto que vem sofrendo como sequela da Covid-19. (Foto: Reprodução)

BRASIL - A cantora Joelma, considerada uma das maiores performers do Brasil, precisou cancelar shows nas cidades de Alvorada (TO), São Desidério (BA) e Cordeirópolis (SP), que iria se apresentar neste fim de semana.

A cantora foi diagnosticada com um quadro de esofagite, gastrite e um edema em seus exames, que de acordo com os médicos, são sequelas possivelmente decorrentes da infecção por Covid-19, vírus que a Joelma já foi infectada por quatro vezes. 

Joelma precisou ser internada na última terça-feira (7), para realizar exames sobre o inchaço no rosto que vem sofrendo como sequela da Covid-19. Joelma preocupou os fãs durante show na última semana ao surgir com o rosto inchado em Parauapebas, no Pará. 

A equipe da cantora informou em nota que durante a internação, Joelma apresentou uma melhora significativa do quadro de edema que a cantora apresentou e se recupera bem, com previsão de alta hospitalar para este final de semana.

A equipe médica da cantora afirmou que a cantora deverá permanecer em repouso em casa por sete dias, por isso, a necessidade do cancelamento da agenda de shows, realizando uma alimentação balanceada e adequada ao quadro de Joelma, e cuidados médicos necessários para sua recuperação. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.