Polêmica

Latino faz acordo para evitar prisão por não pagar pensão

Divida de cerca de R$ 150 mil foi parcelada e deverá ser quitada no dia 18 de setembro.

Na Mira

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h39
(Foto Reprodução / Internet)

Na manhã desta quinta-feira (10), o cantor Latino conseguiu fazer um acordo com a mãe de sua filha de dois anos, a quem deveria dar uma ajuda de custo todo mês, e uma petição para eliminar o pedido de prisão foi anexado ao processo. O motivo da prisão dele seria a divida de cerca de R$ 150 mil contraída por nunca ter pagado a pensão alimentícia de uma de suas filhas. A prisão foi decretada na terça-feira (8), pela Justiça de São Paulo.

Em entrevista ao site UOL, o advogado do artista disse que ele está tranquilo. "Agora é só esperar a decisão da Justiça, mas Latino está tranquilo em casa e só esperando a notícia de que não existe mais o perigo de uma detenção", declarou.

Ainda a UOL, o advogado de Gláucia Roberta, mãe da filha de Latino, disse que o valor da dívida foi dividido em duas vezes. "Fizemos um acordo, sim, e dividimos o valor devido em duas vezes. A primeira parte foi paga na hora e a segunda deverá ser paga no próximo dia 18. O pedido de prisão está suspenso, mas caso o pagamento não aconteça, podemos voltar com ação", explicou Fernando.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.