Em São Luís Gonzaga

Polícia procura mais cinco suspeitos de tentarem roubar banco

Nessa terça-feira (11), a polícia conseguiu prender sete pessoas suspeitas de envolvimento no crime.
Liliane Cutrim/Imirante.com*12/09/2018 às 15h44

SÃO LUÍS GONZAGA – Sete pessoas foram presas, nessa terça-feira (11), suspeitas de participarem da tentativa de roubo a banco na cidade de São Luís Gonzaga, no último dia 6 de setembro.

Suspeitos foram presos em cidades do interior do Maranhão e no Estado do Piauí. / Foto: Divulgação.

Relembre o caso:

Criminosos explodem agência bancária e atiram em carro da PM

Polícia procura bando que explodiu banco e fuzilou sede da PM

Em entrevista à rádio Mirante AM, nesta quarta-feira (12), o delegado Vitor Machado, adjunto do Departamento de Combate a Roubo a Instituições Financeiras (Decrif) da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), falou sobre a operação policial que resultou na prisão do grupo.

Veja outros casos de explosões em agências bancárias no Maranhão.

Segundo o delegado, a tentativa de roubo foi frustrada, porque os criminosos usaram muita dinamite, o que causou a queda da laje da agência bancária, impedindo os assaltantes de terem acesso ao cofre.

O grupo detonou explosivos para tentar abrir o cofre. Porém, uma laje desabou e impediu a passagem até o ponto onde estava o dinheiro da agência. / Foto: Divulgação.

Após o crime, a polícia iniciou as investigações e conseguiu identificar alguns integrantes do grupo, sendo que sete suspeitos foram presos em cidades do interior do Maranhão e outro no Estado do Piauí.

Na cidade de Grajaú, no Maranhão, a polícia prendeu: Valdivino Vieira, o qual foi encontrado com um colete balístico; Jacinto de Souza Silva e Bruno Milhomem, os quais participaram diretamente da ação criminosa, espalhando grampo metálico para furar os pneus das viaturas, evitando a perseguição policial. Com a dupla, a polícia apreendeu um veículo Corola, usado pela quadrilha durante a tentativa de roubo.

Carro da polícia estava estacionado e foi acertado com vários tiros. / Foto: Divulgação.

Já Itamar de Sousa Salles, conhecido como “Pernambuco”, e Aline Moreira Lima, foram presos em uma chácara na cidade de Presidente Dutra, no Maranhão, a qual funcionava como uma base para os criminosos que atuam em roubos a bancos. Aline Moreira seria uma das pessoas que financiava a quadrilha.

Na cidade de Teresina, no Piauí, a polícia prendeu Marbyo Alves da Costa. Segundo o delegado, ele participou da ação no banco e deu fuga a outros dois envolvidos no crime. O outro detido foi Joaquim Henrique de Silva Neto, responsável por fazer o resgate de um homem identificado apenas como Mauro, o qual está foragido e seria um dos líderes do grupo.

Ainda de acordo como o delegado Machado, a polícia já identificou mais cinco pessoas que participaram efetivamente da tentativa de roubo, que ainda faltam ser presas. Além disso, há outras pessoas que deram apoio aos criminosos que, também, devem ser presas nos próximos dias.

Ouça a entrevista completa que o delegado Vitor Machado deu na rádio Mirante AM, falando sobre o caso:

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2018 - Todos os direitos reservados.