Transporte público

Setran admite dificuldades em fiscalizar transporte de irregular de passageiros

Fiscalização será intensificada com inicio da operação da nova empresa de ônibus.
Imirante Imperatriz com informações da assessoria22/01/2016 às 23h06

IMPERATRIZ – O secretário da Secretaria de Trânsito e Transportes (Setran), José Ribamar Alves Soares, admitiu que a pasta vem enfrentando o desafio de fiscalizar para coibir os meios de transportes de passageiros irregulares para a região e Estados vizinhos.

A medida faz parte de uma ação para garantir que a nova empresa possa colocar seus ônibus preenchendo todas as linhas disponíveis.

O secretário José Ribamar, mais conhecido por Cabo J.Ribamar, garantiu que apesar das dificuldades enfrentadas, a Setran vai fiscalizar e retirar táxis e vans clandestinos das ruas da cidade.

Sem citar números, o secretário admitiu que é visível a enorme quantidade de táxis e vans com placas de outras cidades, os quais invadiram a cidade, principalmente depois que a VBL deixou de prestar o serviço de transporte urbano. E lembrou que as vans de outros municípios, que deveriam deixar os passageiros às margens da BR-010, estão adentrando ao centro da cidade.

O titular da Setran, também, lembra que a exemplo do usuário do transporte coletivo, os comerciantes de vários segmentos como roupas, bijuterias e alimentos da Praça Tiradentes foram prejudicados com a saída da VBL de circulação.

O Cabo J.Ribamar, acrescentou que a diretoria da empresa Rio Anil, por sua vez, já está admitindo seus motoristas, para então treiná-los, e depois começar a trabalhar e que o usuário do transporte coletivo aguarda com certa ansiedade o retorno do transporte público.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.