Investigação

Casal é preso suspeito de participar da morte de bebê em ritual na cidade de Icatu

Segundo a polícia, tudo indica a participação da mãe e do padrasto na morte do recém-nascido.
Divulgação/Polícia Civil do Maranhão14/07/2021 às 15h12
Casal é preso suspeito de participar da morte de bebê em ritual na cidade de IcatuO crime aconteceu em maio deste ano, na cidade de Icatu. (Arte: Imirante.com)

ICATU - Um casal foi preso, nessa terça-feira(13), suspeito de participação na morte de um bebê de 18 dias de vida em um possível ritual de magia negra na cidade de Icatu. O crime aconteceu em maio deste ano.

O mandado de prisão temporária, cumprido pela Polícia Civil do Maranhão, foi expedido pela Vara Única da cidade de Icatu, atendendo ao pedido do delegado Anderson Ribeiro.

Segundo a polícia, após o crime, uma investigação foi iniciada e, de acordo com o que foi apurado, tudo indica a participação da mãe e do padrasto na morte do recém-nascido.

O caso continua sendo investigado com base em depoimentos de pessoas ligadas ao casal no intuito de esclarecer o crime.

Os investigados devem continuar presos dentro do prazo de 30 dias (prazo permitido na prisão temporária) sob responsabilidade do Poder Judiciário.


Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.