Na bronca!

Capitão do Sampaio fica na bronca com arbitragem: "fomos prejudicados"

Zagueiro Fábio Aguiar lamentou expulsão e disse que "não é hora de baixar a cabeça"

Imirante Esporte

Atualizada em 06/07/2024 às 20h20
Fábio Aguiar reclamou da arbitragem na partida deste sábado(6)
Fábio Aguiar reclamou da arbitragem na partida deste sábado(6) (Ronald Felipe / Sampaio Corrêa)

SÃO LUÍS - O Sampaio Corrêa perdeu por 2 a 0 para a Ferroviária-SP na noite deste sábado (6) no estádio Castelão e os jogadores da Bolívia Querida saíram na bronca com a arbitragem de Dyorgines Jose Padovani, do Espírito Santo. O árbitro expulsou o lateral-direito Rafael Luiz no começo do segundo tempo por causa de um toque de mão. No final da partida, o capitão da Bolívia Querida, o zagueiro Fábio Aguiar, lamentou bastante e disse que a equipe maranhense foi prejudicada. 

VEJA MAIS 

Sampaio Corrêa perde em casa e "fantasma" do rebaixamento volta a assombrar

Fábio não escondeu sua frustração com a decisão do árbitro de expulsar o latera do Sampaio. “Na expulsão do Rafael eu acho que a gente foi prejudicado pela arbitragem. Não é isentando nosso time da derrota. Como eu falei, é um time que joga parecido com a gente, baixa a linha e tenta explorar os contra-ataques. Mas a gente foi prejudicado com a arbitragem. Mais uma vez”. 

Na sequência, o capitão falou que não é hora de “baixar a cabeça”. “Agora é trabalhar essa semana. Vamos ver o que o professor vai fazer pra gente não baixar a cabeça. Porque não tem nada acabado e a gente tem que continuar aí com o nosso trabalho, na humildade, com o objetivo, que é passo a passo, jogo pós jogo. E só assim a gente vai ver o que vamos almejar na competição”. 

Com essa derrota para a Ferroviária, o Sampaio parou nos 10 pontos e ocupa a 16ª colocação na classificação do Campeonato Brasileiro da Série C. A equipe maranhense volta a jogar pela Série C no próximo sábado (13), quando recebe o São José-RS, às 19h30, no estádio Castelão, em São Luís. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.