Adeus ao Rei!

Vídeo: José Sarney lembra encontro com Pelé em São Luís

Ex-presidente lembra também ida com o Rei aos EUA: "todos só queriam ver o Pelé"

Eduardo Lindoso e Luciano Dias / Imirante Esporte

- Atualizada em 29/12/2022 às 19h12

SÃO LUÍS - O ex-presidente José Sarney publicou um vídeo falando de um encontro que teve com Pelé em São Luís, em 1967, quando era governador do estado e o Rei do Futebol jogou um amistoso pelo Santos contra a Seleção Maranhense. O time do Maranhão perdeu, por 1 x0, e Sarney contou que Pelé foi ao Palácio dos Leões. O ex-presidente lembra ainda da visita que fez com Pelé ao presidente dos EUA, Ronald Reagan: “Todos queriam ver era o Pelé”. 

Morte do Rei 

Morreu, nesta quinta-feira (29), Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, aos 82 anos, o maior jogador da história do futebol. O tricampeão mundial com a seleção brasileira estava internado havia um mês para tratamento de um câncer no cólon, no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. 

De acordo com boletim médico divulgado pelo hospital, a morte de Pelé ocorreu em decorrência de falência múltipla de órgãos. 

"O Hospital Israelita Albert Einstein confirma com pesar o falecimento de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, no dia de hoje, 29 de dezembro de 2022, às 15h27, em decorrência da falência de múltiplos órgãos, resultado da progressão do câncer de cólon associado à sua condição clínica prévia", diz o texto divulgado. Pelé estava internado no hospital desde 29 de novembro.

A família ainda não divulgou detalhes sobre o velório, mas uma estrutura foi montada na Vila Belmiro nos últimos dias para receber a vigília. O sepultamento ocorrerá em Santos.

Internação

Pelé foi submetido a uma cirurgia para retirada de um tumor no cólon direito no ano passado. Na ocasião, ele deu entrada no centro de saúde em agosto de 2021, para passar por uma bateria de exames que faz anualmente, mas que estava atrasada por causa da pandemia de Covid-19. Foi quando a lesão foi detectada. Após passar pela cirurgia, Plé iniciou o tratamento de quimioterapia, mas ultimamente seu organismo não respondia mais ao tratamento.

O câncer de cólon, chamado também de câncer do intestino grosso ou câncer colorretal quando afeta o reto, surge quando as células na parte interior do cólon se multiplicam de forma diferente uma das outras, dobrando de tamanho e se inflamando. 

 

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.