Campeonato Maranhense

Wesley Edson lamenta eliminação do Pinheiro: "Lutou com o que tinha"

O Búfalo da Baixada se despediu do primeiro turno do Estadual após derrota para o Sampaio Corrêa.

Gustavo Arruda / Imirante Esporte

Wesley Edson, técnico do Pinheiro.
Wesley Edson, técnico do Pinheiro. (Reprodução / TV Mirante)

PINHEIRO - O Pinheiro se esforçou até o último momento, mas não conseguiu a classificação para as semifinais do primeiro turno do Campeonato Maranhense. Em partida válida pela terceira rodada da fase de grupos e disputada na noite de quarta-feira (19), o PAC foi derrotado por 2 a 0 pelo Sampaio Corrêa no Estádio Costa Rodrigues e encerrou sua participação na etapa inicial do Estadual como lanterna do Grupo A, com três pontos.

Em entrevista à TV Mirante, o técnico Wesley Edson valorizou a dedicação dos atletas do Pinheiro diante do Sampaio Corrêa, lamentou a eliminação na fase de grupos do primeiro turno e projetou uma reação na sequência do Campeonato Maranhense.

"O Pinheiro lutou com o que tinha. A gente tem um elenco que dá valor aos atletas da Baixada, nos preparamos para a competição, mas, infelizmente, não conseguimos a classificação. Agora é pensar no returno", afirmou o treinador.

Fora da briga pelo título do primeiro turno do Campeonato Maranhense, o Pinheiro terá duas semanas de preparação para a estreia no returno: o Búfalo da Baixada encara o Moto Club no dia 1º de fevereiro, às 19h, no Estádio Costa Rodrigues, com cobertura completa do Imirante Esporte e da rádio Mirante AM.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.