Campeonato Maranhense

Sampaio Corrêa goleia o Cordino e conquista título do returno do Estadual

Com a conquista, o Tricolor garantiu vaga nas Copas do Brasil e do Nordeste de 2018.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte07/06/2017 às 22h14

SÃO LUÍS - Depois de vencer uma longa batalha judicial contra o Moto Club pela vantagem na semifinal do segundo turno do Campeonato Maranhense, o Sampaio Corrêa disputou, na noite desta quarta-feira (7), no Estádio Castelão, a segunda partida da final contra o Cordino, após empate por 1 a 1 no jogo de ida, disputado em Barra do Corda. Precisando da vitória, não só para garantir o troféu do returno, mas também o calendário cheio em 2018, o Sampaio aproveitou o fator casa, bateu o Cordino por 4 a 1 e confirmou o título.

Leia mais

Após título do segundo turno, Francisco Diá elogia elenco do Sampaio

Desgaste físico atrapalhou o Cordino, afirma Marlon Cutrim

Principais jogadores do ataque do Sampaio Corrêa, o meia Felipe Marques e o centroavante Isac mostraram entrosamento e participaram dos três primeiros gols da Bolívia Querida. No primeiro tempo, Felipe fez dois gols, após receber assistências de Isac, e o camisa 9 anotou o terceiro gol no início da etapa final, aproveitando passe do meio-campista. O lateral Roniery fechou o placar para o Tricolor, e Pedro Gusmão descontou para o Cordino.

Com o título do segundo turno do Campeonato Maranhense, o Sampaio Corrêa garantiu vagas na Copa do Brasil e na Copa do Nordeste de 2018, além da presença na final do Estadual, onde enfrentará novamente o Cordino, que foi o vencedor do primeiro turno. O Tricolor e a Onça disputarão o troféu do Maranhense em dois jogos, sendo que o primeiro deles será na próxima quinta-feira (15).

Agora, Sampaio Corrêa e Cordino voltam as suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Enquanto o Tubarão enfrenta o Confiança na próxima segunda-feira (12), às 20h30, no Estádio Batistão, pela quinta rodada da Série C, a equipe de Barra do Corda recebe o Tocantins neste domingo (11), às 16h, no Estádio Leandrão, em compromisso válido pela quarta rodada da Série D.

O jogo

Mesmo com a vantagem do empate para ser campeão, o Sampaio Corrêa foi ao ataque nos primeiros minutos de jogo e não demorou a abrir o placar: aos 11 minutos, Isac deu um passe na medida para Felipe Marques, que fez o primeiro gol do Tricolor na partida. Tímido no início, o Cordino acordou com o prejuízo no placar e quase conseguiu o empate aos 18 minutos, em finalização do artilheiro Ulisses, que passou muito perto da trave defendida por Alex Alves.

Com o passar do tempo, o Cordino se ajustou, começou a trabalhar a bola no campo de ataque e conseguiu empatar a partida. Aos 27 minutos, Pedro Gusmão arriscou um chute forte em cobrança de falta e deixou tudo igual no Castelão. Pressionado, o Sampaio Corrêa perdeu uma grande chance aos 41 minutos, com Isac, que recebeu passe de Felipe Marques e chutou, mas parou no zagueiro Ferreira. Dois minutos depois, entretanto, o gol do Tubarão saiu: mais uma vez, Isac serviu Felipe Marques, que tirou de Eduardo Alves e recolocou os donos da casa em vantagem.

Precisando da virada, a equipe do Cordino foi para cima no início da etapa final e quase conseguiu o empate logo no primeiro minuto, mas Alex Alves, atento, salvou a finalização de Jocivan. Antes que a Onça pudesse ameaçar novamente, o Sampaio Corrêa ampliou a vantagem: aos sete minutos, Felipe Marques retribuiu as assistências de Isac e deixou o camisa 9 em excelente condição para marcar o terceiro gol do Tricolor.

Com as duas mãos na taça, o Sampaio Corrêa valorizou a posse de bola e apenas esperou o tempo passar, para vibração da torcida no Castelão. Porém, mesmo em ritmo mais lento, o Tubarão fez o quarto gol aos 24 minutos, em cobrança de falta do lateral Roniery. Pedro Gusmão, aos 36, ainda tentou diminuir o prejuízo do Cordino, mas Alex Alves fez a defesa e garantiu a goleada que deu o título do returno ao Sampaio.

FICHA TÉCNICA

SAMPAIO CORRÊA: Alex Alves; Roniery (Silas), Fredson, Maracás (Alex) e João Victor (Uilliam); César Sampaio, Diego Silva, Diego Valderrama, Hiltinho e Felipe Marques; Isac. T: Francisco Diá

CORDINO: Eduardo Alves; Alef (Alison), Da Silva, Ferreira e Jefferson; Emerson (Junior Negão), Romero, Henrique (Lucas Costa) e Ulisses; Jocivan e Pedro Gusmão. T: Marlon Cutrim

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.