Série C

Imperatriz derrota o Botafogo (PB) de virada e volta ao G4 da Série C

Cavalo de Aço fez grande atuação no segundo tempo e garantiu a vitória no Frei Epifânio.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte25/07/2019 às 22h00
Imperatriz derrota o Botafogo (PB) de virada e volta ao G4 da Série CImperatriz e Botafogo (PB) se enfrentaram no Frei Epifânio. (Divulgação / Sociedade Imperatriz de Desportos)

IMPERATRIZ – O sonho do acesso à Série B está mais vivo do que nunca no coração dos jogadores e da torcida do Imperatriz. Em duelo válido pela 14ª rodada da fase de grupos do Campeonato Brasileiro Série C e disputado na noite desta quinta-feira (25), o Cavalo de Aço encontrou dificuldades diante do Botafogo (PB), mas fez uma grande atuação no segundo tempo, conseguiu a vitória por 2 a 1, de virada, e fez a festa da torcida no Estádio Frei Epifânio.

Em má fase na Série C, o Botafogo (PB) pressionou o Imperatriz no primeiro tempo e abriu o placar aos 26 minutos, com o atacante Clayton. Depois da atuação apática na etapa inicial, o Cavalo de Aço voltou com outra postura na etapa final e arrancou uma virada heroica no Frei Epifânio: após o meia Leandro Mineiro deixar tudo igual aos 20 minutos, o atacante Matheus Lima decretou, aos 38, mais uma vitória colorada na Terceirona.

Com a vitória em casa, o Imperatriz chegou aos 21 pontos em 14 rodadas e reassumiu a quarta colocação do Grupo 1 da Série C. O Cavalo de Aço, entretanto, ainda pode perder a posição: para isso, basta o Náutico não ser derrotado pelo Confiança, em duelo que será disputado nesta sexta-feira (26), no Recife. Já o Botafogo (PB), com 18 pontos, permanece na sexta colocação da chave e se complica na briga pelo G4.

A próxima partida do Imperatriz na Série C será na próxima sexta-feira (2), às 20h, contra o Santa Cruz, no Estádio do Arruda, pela 15ª rodada da fase de grupos da Terceirona. O duelo terá transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte. O Botafogo, por sua vez, encara o Confiança no próximo domingo (4), às 18h, no Estádio Almeidão, em João Pessoa.

O jogo

Para surpresa da torcida colorada no Frei Epifânio, o Botafogo (PB) tomou a iniciativa nos primeiros minutos de jogo, foi ao campo de ataque e insistiu nos cruzamentos para a grande área, enquanto o Imperatriz tentava segurar a bola e ditar o ritmo da partida. Aos 11 minutos, o Belo quase abriu o placar: após passe de Enercino, Nando se atrapalhou na hora do chute e deixou a bola tranquila para o goleiro Jean.

Com dificuldades para avançar, o Imperatriz só assustou o Botafogo (PB) aos 15 minutos, com Manoel, que recebeu cruzamento de Jonas e finalizou para fora. Já aos 21, a equipe paraibana teve uma grande chance com Marcos Aurélio, que aproveitou erro de Renan Dutra e concluiu mal, mandando a bola pela linha de fundo.

Melhor em campo, o Botafogo (PB) abriu o placar aos 26 minutos no Frei Epifânio. Após cruzamento de Dico, Clayton se antecipou aos defensores do Imperatriz e marcou a favor da equipe paraibana. Empurrado pela torcida, o Cavalo de Aço teve a chance do empate aos 36: após passe de Jonas, Manoel conseguiu a finalização, que foi para fora.

Imperatriz dá show no segundo tempo e consegue a virada

Insatisfeito com a lentidão do ataque do Imperatriz no primeiro tempo, o técnico Paulinho Kobayashi aumentou o poder de fogo da equipe colorada, com a entrada do meia Leandro Mineiro, substituindo o volante Diogo. Focado em busca da virada, o Cavalo de Aço quase deixou tudo igual aos sete minutos: após grande jogada de Lucas Campos, Gabriel Caju dominou com espaço e chutou mal, para fora. Pouco depois, aos nove, Manoel tabelou com Dos Santos, finalizou bem, e Saulo fez grande defesa pelo Botafogo.

Animado, o Imperatriz aumentou a pressão no campo de ataque depois da expulsão do volante botafoguense Enercino. Com um atleta a mais, o Cavalo de Aço acumulou chances perdidas: aos 16, Manoel aproveitou cobrança de escanteio de Renan Luís e chutou para fora. Aos 20, entretanto, o time colorado deixou tudo igual com Leandro Mineiro, que recebeu passe de Manoel e balançou as redes no Frei Epifânio.

Com o clima totalmente favorável, o Imperatriz foi para cima do Botafogo, mas a equipe paraibana ainda assustou os donos da casa aos 33 minutos, em cobrança de falta de Marcos Vinícius, que parou em uma difícil defesa de Jean. O susto, entretanto, não desanimou o Cavalo de Aço, que garantiu a virada aos 38: após cobrança de escanteio de Rayllan, Matheus Lima não desperdiçou a chance e marcou o segundo gol colorado. O Botafogo ainda foi ao ataque nos minutos finais, mas não teve forças para impedir a vitória heroica do Imperatriz.

FICHA TÉCNICA

IMPERATRIZ: Jean; Jonas (Matheus Lima), Ramon Baiano, Renan Dutra e Renan Luís; Diogo (Leandro Mineiro), Dos Santos e Gabriel Caju; Lucas Campos, Vitor Xavier (Rayllan) e Manoel. Treinador: Paulinho Kobayashi

BOTAFOGO-PB: Saulo; Neilson, William Goiano, Donato e Rogério; Enercino, Marcos Vinícius, Dico (Erivelton) e Marcos Aurélio (Fábio Alves); Clayton (Serginho) e Nando. Técnico: Evaristo Piza

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.