Campeonato Maranhense

Com apoio da torcida,Imperatriz sai na frente na final

Com a vitória de 1 a 0 sobre o MAC o Imperatriz jogará por empate na quinta-feira em São Luís.
Alan Milhomem / Imirante Imperatriz07/06/2013 às 09h45

IMPERATRIZ – A torcida foi o 12º jogador do Imperatriz na primeira partida da final do Campeonato Maranhense 2013. O público não lotou o estádio Frei Epifânio como se pensava na cidade, mas a torcida que foi ao estádio apoiou e empurrou o Cavalo de Aço. A galera, também, reclamou do árbitro quando não concordou com a marcação. Para mostrar serviço, o time do Imperatriz entrou bem no jogo e logo partiu para ataque. O Maranhão Atlético até que se fechou, mas não segurou o ‘pezinho de ouro’.


Com mais posse de bola e chegando mais vezes ao ataque, aos 24 minutos do primeiro tempo, depois de cruzamento e bate-rebate na pequena área, ‘o pezinho de ouro’ Lindoval fez boa jogada pela direita e, quase sem ângulo, chutou para abrir o marcador. A torcida, marcada pelo ritmo da charanga, foi ao delírio e balançou estrutura do Frei Epifânio com o gol do colorado.


Depois do gol, o MAC se ‘espertou’ e o jogo ficou equilibrado. Rubens e Lindoval comandavam o ataque do Cavalo de Aço e tiveram boas chances de gol. Do lado atleticano Daylson e Robson fizeram algumas finalizações.

O goleador do Maranhão, Casagrande, quase não apareceu na partida. O jogo ficou catimbado, como muitas faltas e o primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Imperatriz, por 1 a 0. Na etapa complementar, o Imperatriz se manteve ofensivo. Rubens, aos 12 minutos, tirou tinta da trave com um belo chute. Por duas vezes Lindoval chegou com chances de gol, mas foi marcado impedimento. O MAC também Teve algumas oportunidades, mas o jogo terminou mesmo com o placar do primeiro tempo, 1 a 0 para o Imperatriz.


Durante toda a partida a charanga não se calou e ditou o ritmo da torcida que embalou time e gostou do que viu. “Essa foi a melhor partida do Cavalo no campeonato. Hoje o time jogou bem e está de parabéns. Gostei do jogo e agora é ir pra cima pra ganhar lá”, destacou o torcedor, Juvenal Dias.


E não foi o pé quebrado que impediu o sargento Tavares de apoiar o time no estádio. “Marcamos presença pra dá o apoio que o time merece. Para apoiar o time a gente não mede esforços, a força pelo time é maior”, afirmou. As provocações, também, não faltaram. Para o torcedor, Marlon Moura, “hoje foi só o começo, o Cavalo vai triturar o Bode e colocar no bolso”, disse.


Com a vitória no primeiro jogo, o Imperatriz inverteu a vantagem do Maranhão na final do Campeonato Maranhense. Agora o Cavalo de Aço joga por um empate para quebrar o jejum de sete anos sem levantar o título de campeão estadual. Já o MAC, que pretende ser campeão estadual pela 14º, precisará de uma vitória simples para ficar com o título. O segundo jogo da decisão será na próxima quinta-feira (13), no Nhozinho Santos, em São Luís.

Para ler mais notícias do Imirante Esporte, clique em imirante.com/esporte. Também siga o Imirante no Twitter e curta nossa página no Facebook.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.