Tragédia

Bombeiros continuam buscas por sobreviventes de desabamento de prédio

Seis pessoas morreram, 10 sobreviveram e 12 estão desaparecidas.
Agência Brasil13/04/2019 às 09h19
Bombeiros continuam buscas por sobreviventes de desabamento de prédioEquipes que atuam na busca e resgate de pessoas após o desabamento dos dois prédios na comunidade da Muzema. (Fernando Frazão/Agência Brasil)

RIO DE JANEIRO - O Corpo de Bombeiros continua as buscas por desaparecidos nos escombros do Condomínio Figueiras do Itanhangá, na comunidade da Muzema, onde dois prédios desabaram ontem (12). Os bombeiros retiraram mais dois corpos na madrugada de hoje (13) até as 5h. Com isso, chega a seis o número de mortos, sendo cinco corpos retirados dos escombros e um homem que morreu em um hospital particular depois de ter sido resgatado com vida.

Cerca de 100 militares atuam na tragédia, da qual dez pessoas foram resgatadas com vida, sendo quatro homens, três mulheres, dois menores de idade do sexo masculino e uma menor de idade do sexo feminino. A vítima resgatada mais recentemente foi o menino Hilton Guilherme, de 13 anos. Os pais dele continuam desaparecidos.

Os bombeiros trabalham com a possibilidade de 12 pessoas desaparecidas e utilizam cães farejadores, drone, helicópteros, ambulâncias e viaturas de recolhimento de cadáveres nas buscas.

Segundo a Prefeitura do Rio, os prédios foram construídos irregularmente em uma área controlada por milícias. O município já havia interditado os edifícios de cinco andares duas vezes e deve demolir ao menos mais três prédios por não oferecerem segurança aos moradores.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.