Pesquisa

Jair Bolsonaro dispara e chega a 30% nas intenções de voto após atentado

A pesquisa foi divulgada nesta segunda-feira (10) e registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número BR-01522/2018
José Linhares Jr10/09/2018 às 11h11
Jair Bolsonaro dispara e chega a 30% nas intenções de voto após atentadoJair Bolsonaro (PSL) lidera corrida presidencial ( Foto: Divulgação )

Pesquisa realizada pelo FSB/BTG Pactual após o atentado sofrido por Jair Bolsonaro (PSL) mostra que o presidenciável passou de 26% para 30% nas intenções de voto. A pesquisa foi feita no último fim de semana, 8 e 9 de setembro, e ouviu 2000 eleitores. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

ESTIMULADA

Na pesquisa de intenção de votos estimulada, Jair Bolsonaro registrou 30% das intenções. Seguido por Ciro Gomes (PDT), com 12% das intenções de voto, e Marina Silva (REDE), Geraldo Alckmin (PSDB) e Fernando Haddad (PT), todos com 8%. Amoêdo (NOVO) obteve 3% dos votos, enquanto Alvaro Dias (Podemos) teve 3%. Não votaria em ninguém 13%, branco/nulo somam 3%, enquanto não sabe/não responderam ficou em 8%.

ESPONTÂNEA

Na pesquisa espontânea, Bolsonaro alcançou 26%, Lula foi citado por 12%. Ciro Gomes atingiu 7%, enquanto Geraldo Alckmin (PSDB) e Marina Silva (Rede) se registraram 3%, mesmo percentual de João Amoêdo (Novo) e de Fernando Haddad (PT). Álvaro Dias chegou a 2%, enquanto os demais não pontuaram. Não sabem ou não responderam 22%, não votariam em ninguém 13%, brancos e nulos 4%.

A pesquisa foi divulgada nesta segunda-feira (10) e registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número BR-01522/2018. Os eleitores de Bolsonaro apresentaram mais certeza do voto. Para 78% deles, o voto no candidato é definitivo. Acompanhando pelos eleitores de Haddad (68%), Alvaro Dias (62%), Amoêdo (59%), Ciro (58%), Alckmin (49%), Boulos (40%), Marina (37%) e Meirelles (24%).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.