Foragido da Justiça

Preso, no Maranhão, acusado de homicídio no Mato Grosso

No Maranhão, Edimar Lopes chegou a ser condenado por praticar assaltos.
Imirante.com02/08/2019 às 16h12
Preso, no Maranhão, acusado de homicídio no Mato GrossoEdimar Lopes da Silva Filho estava morando atualmente no povoado Suja Pé, zona rural de Barra do Corda. (Foto: Divulgação)

BARRA DO CORDA - A Polícia Civil de Barra do Corda cumpriu, no início da noite dessa quinta-feira (2), um mandado de prisão preventiva em desfavor de Edimar Lopes da Silva Filho, 26 anos. O mesmo era foragido da comarca de Lucas do Rio Verde, no Estado do Mato Grosso, pelo crime de homicídio qualificado em desfavor de Joabe de Arruda Souza, 20 anos.

Segundo o processo, Edimar foi preso em flagrante no dia 15 de novembro de 2011, por ter assassinado Joabe, mediante golpes de faca, após ambos terem tido uma discussão.

Após a prisão, Edimar Lopes conseguiu a liberação provisória para responder o processo em liberdade e, nesse período, o mesmo veio para a região de Grajaú, no Maranhão, onde passou a cometer assaltos qualificados, sendo preso em Grajaú e condenado a 19 anos de prisão, tendo cumprido quase quatro anos no regime fechado pelos assaltos.

Saiba Mais: Assaltantes e traficante são presos na Regional de Barra do Corda

De acordo com a polícia, Edimar conseguiu outra liberdade provisória, relativa aos crimes cometidos no Maranhão, e deixou a prisão com uso de tornozeleira eletrônica. Porém, ele retirou a tornozeleira quando soube de sua condenação no estado do Mato Grosso, pelo homicídio contra Joabe, ficando assim foragido da Justiça.

Na tarde dessa quinta, os investigadores da polícia conseguiram notícias do paradeiro de Edimar Lopes na cidade de Barra do Corda, vindo a monitorá-lo até o fim do dia, onde foi possível a prisão do mesmo.

Edimar Lopes da Silva Filho estava morando atualmente no povoado Suja Pé, zona rural de Barra do Corda.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.