Operação policial

Polícia prende suspeitos e apreende arma e munições em Caxias e Timon

A operação tem como objetivo reforçar o policiamento na região, além de combater ações criminosas principalmente a ocorrência de homicídios, roubos e o tráfico de drogas, associados a organizações criminosas.
Divulgação/SSP-MA29/03/2021 às 11h39
Polícia prende suspeitos e apreende arma e munições em Caxias e TimonFormada por policiais civis, militares e bombeiros militares, a Fiesp seguirá atuando nos municípios maranhenses. (Foto: Divulgação)

TIMON - Em uma série de ações coordenadas, a Força Integrada de Segurança Pública do Maranhão (FIESP-MA) realizou a prisão de quatro pessoas e apreendeu entorpecentes, munições e uma arma de fogo durante operação realizada nos municípios de Caixas e Timon.

Segundo a polícia, a operação, que está em andamento, tem como objetivo reforçar o policiamento na região, além de combater ações criminosas principalmente a ocorrência de homicídios, roubos e o tráfico de drogas, associados a organizações criminosas.

Em uma dessas ações, os agentes da Fiesp prenderam dois homens em posse de uma pistola PT-380 no Parque Alvorada, em Timon. Os policiais haviam sido informados sobre um tiroteio no bairro e chegando ao local, presenciaram os suspeitos tentando fugir.

De pronto, os agentes agiram e interceptaram a dupla. Com eles foram apreendidos ainda sete munições intactas de variados calibres, um carregador de PT-380, entre outros objetos. Os dois homens foram encaminhados na Central de Flagrantes da Polícia Civil de Timon.

Já em outra intervenção, dessa vez no município de Caxias, a Força prendeu um casal em posse de 65 cabeças de substância semelhante à maconha, além de um simulacro de arma de fogo e 2 munições de calibre .32.

A prisão ocorreu no bairro João Viana, após os agentes, em ronda pela cidade, perceberem a dupla em atitude suspeita. Ambos foram apresentados na Delegacia Regional de Caixas para que fossem tomadas as medidas necessárias.

Formada por policiais civis, militares e bombeiros militares, a Fiesp seguirá atuando nos municípios maranhenses agindo em cooperação com as forças de segurança locais agindo não só na repressão ao crime como também nas investigações dos delitos e até em ações de salvamento e defesa civil.



Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.