Canteiro Escola

Com parceria da Dimensão, projeto Canteiro Escola formará mão de obra e revitalizará casarões históricos de São Luís

Mercado das Tulhas e outras 37 fachadas da rua do Giz serão revitalizados.
Publipost / Grupo Dimensão12/01/2022 às 11h00
Fachadas de casarões da rua do Giz serão revitalizadas por meio da parceria. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS – O Centro Histórico da capital maranhense foi declarado como Patrimônio Mundial da Humanidade, em 1997, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). De lá para cá, muita coisa já foi feita nos casarões coloniais de São Luís, mas alguns destes prédios ainda precisam de reparos e revitalizações para manter viva a história de um dos principais cartões-postais da cidade, atrair turistas e fomentar a economia local.

O conjunto arquitetônico do Centro Histórico de São Luís, composto por casarões seculares revestidos por azulejos portugueses, reúne um acervo com mais de mil prédios construídos entre os séculos 18 e 19, que são tombados pelo Patrimônio Federal.

A capital maranhense, colonizada por portugueses, nasceu moderna, já que sua planta foi desenhada no século 17 e inspirada pelo urbanismo espanhol, que na época tinha Portugal sob domínio. As peculiaridades, como traçados lineares nas ruas, desenhos geométricos e quadras bem desenhadas, garantiram a São Luís o título de Patrimônio Mundial da Humanidade.

Projeto Canteiro Escola

Visto a importância histórica e cultural dos casarões de São Luís, foi idealizado na capital maranhense o projeto ‘Canteiro Escola’, uma iniciativa da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph), em parceria com o Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Maranhão (Sinduscon-MA) e a Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), que tem por objetivo capacitar mão de obra para a construção civil, visando a conservação dos bens culturais protegidos por lei.

“A nossa responsabilidade é gigantesca pela preservação desse patrimônio. O projeto Canteiro Escola é inédito, pois junta várias iniciativas para a formação de pessoas para o mercado de trabalho. Vamos formar pedreiros e pintores, mão de obra que o nosso patrimônio precisa para ser recuperado”, diz Kátia Bogéa, presidente da Fumph.

De acordo com Fábio Nahuz, vice-presidente executivo da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), o foco principal do projeto é formar pintores, carpinteiros e pedreiros, com suas especificidades. “Nós seremos o grande fomentador desse projeto, que é uma semente que está germinando. Começaremos pelo Mercado das Tulhas, mas outros casarões também serão revitalizados. O objetivo é não parar e que isso continue por muito tempo”, afirma.

Parceria

O Grupo Dimensão é uma das empresas envolvidas no projeto ‘Canteiro Escola’ que, junto com outras construtoras, se tornou um contribuinte-doador para a realização das atividades de conservação do Centro Histórico de São Luís e, consequente, capacitação de mão de obra local.

Atualmente, o Grupo Dimensão já tem focado em formação e treinamentos destinados aos seus colaboradores. Mas para a empresa, contribuir no projeto ‘Canteiro Escola’, na capacitação de profissionais, é de grande importância social. Além do Mercado das Tulhas, no coração do Centro Histórico de São Luís, a parceria vai revitalizar outras 37 fachadas na rua do Giz, que em 2021 foi eleita uma das seis mais bonitas do Brasil.

“O Grupo Dimensão se sente honrado em fazer parte deste projeto que vai capacitar profissionais para a restauração do Centro Histórico. Esse tipo de mão de obra especializada ainda é um grande déficit em nossa cidade”, afirma Natali Franco, diretora financeira do Grupo Dimensão.

Para Antônio Barbosa, presidente do Grupo Dimensão, é motivo de satisfação poder dar continuidade, por meio da iniciativa Canteiro Escola, ao projeto de formação e qualificação de profissionais, uma política que faz parte do âmbito interno e social da empresa e que, agora, está integrado ao programa de conservação a bens culturais de São Luís.

"A Dimensão Engenharia coopera e faz parte desse grandioso projeto, que é o Programa Canteiro Escola, na certeza de estar contribuindo para a geração de empregos e desenvolvimento sociocultural que são necessários para a preservação e sustentabilidade do Centro Histórico de São Luís", pontua Barbosa.

Grupo Dimensão

O Grupo Dimensão tem 29 anos e conta com empresas nas áreas de construção civil, Indústria de Aços Longos e Planos, Indústria de PVC, Distribuição de Aços e prestação de serviços.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.