Paralisação

Atraso de salários em empresa de ônibus causa paralisação de 25 linhas em São Luís

Movimento de motoristas e cobradores ocorre desde as primeiras horas desta terça-feira (19), no Santa Cruz.
Imirante.com19/10/2021 às 07h29
Atraso de salários em empresa de ônibus causa paralisação de 25 linhas em São LuísRodoviários se concentram na porta da Ratrans. (Foto: Douglas Pinto/TV Mirante)

SÃO LUÍS – Motoristas e cobradores da empresa de ônibus Ratrans cruzaram os braços na manhã desta terça-feira (19). Eles se concentram na porta da garagem da empresa, na avenida Casemiro Júnior, no Santa Cruz.

Segundo o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão, desde as primeiras horas de hoje, ônibus de 25 linhas da Grande São Luís ficaram retidos e não circulam, deixando os usuários aguardando nas paradas.

Leia mais:

Rodoviários decidem fazer greve em São Luís a partir do dia 21 de outubro

SET ingressará na Justiça pedindo suspensão de greve

"Não terá aumento de passagem de ônibus em São Luís", afirma Eduardo Braide

Os trabalhadores reivindicam o pagamento de salários que estão atrasados, descumprimentos de acordo trabalhistas, entre outras questões. Ainda de acordo com o Sindicato dos Rodoviários, o presidente da entidade, Marcelo Brito, e demais diretores estão neste momento na garagem da empresa Ratrans, ao lado dos trabalhadores nesse movimento, que só devem retornar às funções quando as reivindicações forem atendidas pelos patrões.

Entre as linhas de ônibus que não circulam nesta manhã estão Bequimão, Bom Jesus, Primavera, Coroadinho, Vila Luizão, Bquimão, Pão de Açúcar, Alemanha, Coqueiro, Rio Grande, Gapara, Liberdade, Amendoeira/Terminal, Vila Sarney/Rodoviária, Parque Araçagy e outros.

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) informou que está remanejando a frota de outras concessionárias para atender os usuários afetados por esta paralisação. Leia a nota na íntegra:

"Sobre a paralisação ocorrida nesta terça-feira (19), da empresa Ratrans - que integra o Consórcio Central - a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) informa que o movimento não foi comunicado a essa Secretaria, que já está tomando as medidas necessárias sobre essa situação.

De forma emergencial, a SMTT está remanejando frota de outras concessionárias para que a população atendida pela empresa Ratrans tenha acesso aos serviços do transporte público."

Protesto semelhante

Na quinta-feira (14), motoristas e cobradores de outra empresa de ônibus, a Autoviária Matos, também realizaram uma paralisação em São Luís. Segundo o Sindicato dos Rodoviários, o motivo da paralisação foi o mesmo: o atraso no pagamento dos salários.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.