Covid-19

Hospital de Campanha será instalado em Imperatriz, anuncia Flávio Dino

Atendimentos devem começar em até 15 dias; instalação da unidade é em decorrência na alta dos casos de Covid-19 na região tocantina do Estado.
Adriano Soares / Imirante.com19/02/2021 às 12h40
Hospital de Campanha será instalado em Imperatriz, anuncia Flávio DinoFlávio Dino (PCdoB), governador do Maranhão. (Foto: reprodução / YouTube)

SÃO LUÍS – O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou a instalação de um hospital de campanha em Imperatriz, devido a alta no número de casos de Covid-19 na região tocantina do Estado. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (19), em entrevista coletiva.

Leia também:

Um mês após início da vacinação contra Covid, Maranhão é um dos Estados com menor índice de vacinados

Filho do senador Roberto Rocha se recupera da Covid: "peguei uma mutação chamada P1"​

Juiz profere nova decisão por falta de prestação de contas de municípios dos recursos da pandemia​

De acordo com Flávio Dino, o hospital será instalado no Centro de Convenções de Imperatriz, e a previsão de início dos atendimentos é de até 15 dias a partir desta sexta. “Não sabemos o que virá pela frente. Principalmente pela lentidão na vacinação”, disse o governador.

Este será o segundo Hospital de Campanha aberto este ano no Maranhão, o primeiro, em Bacabal, cidade distante 246 km de São Luís, foi inaugurado no dia 9 de fevereiro. A unidade é destinada para o tratamento de pacientes com o novo coronavírus. A estrutura hospitalar foi doada pelos Estados Unidos para auxiliar no combate à pandemia.

Relembre

Em outubro de 2020 o Hospital de Campanha de Açailândia, cidade a 67 km de Imperatriz, que atendia a região, encerrou suas atividades devido a queda no número de casos da doença na época. O atendimento era para pacientes com a Covid-19. A unidade foi montada em parceria com a mineradora Vale.

O Hospital de Campanha de Açailândia foi o primeiro nesses moldes para atendimento às vítimas do novo coronavírus do Maranhão. A unidade foi entregue no dia 16 de maio.

Vacinação

A previsão é que o Maranhão receba 386.546 doses da vacinação contra a Covid-19 na próxima semana, segundo informou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, por meio de rede social. Anúncio do envio da nova remessa ao Estado foi feito pelo Ministério da Saúde, no fim da tarde dessa quinta-feira (18).

De acordo com Flávio Dino, na quarta-feira (17), o Ministério da Saúde havia apresentado calendário nacional para recebimento de vacinas, na oportunidade, foi informado que nove milhões de doses seriam distribuídas aos Estados. Entretanto, na noite dessa quinta-feira, o próprio ministério anunciou que o montante a ser enviado aos Estados passou a ser de 2.700 milhões de doses do imunizante.

“Uma queda de praticamente 1/3 do que estava previsto. Isso impacta, obviamente, no ritmo de vacinação no Maranhão e nos municípios. Faço questão de fazer esse registro para que todos saibam que há um esforço para que nós tenhamos no Brasil um plano nacional de imunização verdadeiro, contudo, fica muito difícil qualquer tipo de planejamento se você não tem um calendário nacional ajustado, claro, objetivo e sério”, informou o governador.

Novo drive-thru de testagem em São Luís

Ainda durante a coletiva, Flávio Dino anunciou um novo drive-thru de testagem da Covid-19 em São Luís, desta vez, no estádio Castelão, voltado para gestantes, pessoas de 45 anos ou mais e pessoas com deficiência. Testagem ocorre de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. É necessário apresentar documento oficial com foto.

Esse é o segundo drive-thru de testagem instalado em São Luís, o primeiro funciona no estacionamento do Parque do Rangedor, no bairro Calhau. O serviço também é ofertado de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Volta às aulas

O governador anunciou que está mantida a previsão para retorno das aulas na rede estadual de ensino para esta segunda-feira (22). A retomada das atividades, levando em consideração o atual quadro sanitário, será de forma remota. Além disso, Flávio Dino anunciou que mais chips com pacotes de internet serão disponibilizados aos estudantes maranhenses.

Coronavírus no Maranhão

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) na noite dessa quinta-feira, o Maranhão tem 4.895 mortes e 214.478 casos confirmados da Covid-19. De acordo com a SES, foram contabilizados 12 óbitos e 420 pessoas infectadas pelo coronavírus nas últimas 24 horas no Estado, sendo 108 na Grande Ilha de São Luís, 34 em Imperatriz e 278 nos demais municípios. A taxa de letalidade da Covid-19 no Maranhão, por sua vez, está em 2,28%.

O relatório da SES aponta que todos os 217 municípios do Maranhão já registraram casos confirmados de Covid-19. São Luís (29.522), Imperatriz (9.951), Balsas (7.358), Caxias (6.153), Timon (5.414), Santa Inês (5.288), Barra do Corda (4.221), Zé Doca (3.971), Açailândia (3.899) e Bacabal (3.767) são as dez cidades maranhenses com o maior número de pacientes infectados pelo novo coronavírus.

Taxa de ocupação de leitos de UTI

Ainda de acordo com o boletim da SES, a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em todo Estado é alta. Na Grande São Luís, a taxa é de 87,76%, isso representa 120 leitos ocupados, dos 145 existentes.

Já em Imperatriz, segunda maior cidade do Estado, a taxa é de 87,50%, o que representa 28 leitos ocupados, dos 32 existentes.

Nas demais regiões do Estado, segundo a SES, a taxa é de 61,49%, o que significa 91 leitos ocupados, dos 148 existentes.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.