Investigação

Celular é encontrado em cela de motorista que responde por mortes no Jaracati

No aparelho, havia mensagens trocadas entre Victor Yan Barros de Araújo e a namorada dele.
Imirante.com, com informações do G1MA05/12/2019 às 07h04
Celular é encontrado em cela de motorista que responde por mortes no JaracatiVictor Yan Barros de Araújo, de 25 anos, responde pela morte de cinco pessoas. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

SÃO LUÍS - Foi encontrado um celular na cela de Victor Yan Barros de Araújo, de 25 anos, acusado de provocar um acidente de trânsito no Jaracati, que resultou na morte de cinco pessoas.

No aparelho, ainda foram descobertas mensagens trocadas por Victor e pela namorada dele. A defesa alega que o celular pertence ao companheiro de cela de Victor.

Relembre:

Acidente com carro desgovernado mata três no Jaracati

A namorada foi proibida de visitar o detento por um ano, após decisão do diretor-geral da penitenciária. Para entrar no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, o visitante passa por um sistema com detector de metais e scanner corporal, por isso, a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária apura a falha.

Entenda

Na madrugada de 8 de setembro deste ano, o carro, um Corolla branco, conduzido por Victor Yan Barros de Araújo, “voou” da avenida Carlos Cunha para a rua Um do bairro Jaracati. Cinco pessoas morreram.

Carla Correa Diniz, Thiana Alves Correa e Henrique Martins Durans Neto estavam em uma festa na rua Um e morreram atingidos pelo veículo. Os outros dois mortos na tragédia eram ocupantes do carro: Maurício Andrey Soares e Ana Lourdes.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.