Roubo a residências

Polícia cumpre mandados de prisão contra acusado de praticar roubos na Grande Ilha

Márcio de Jesus Soares Rodrigues foi identificado como líder de uma associação criminosa.
Imirante.com16/10/2018 às 16h15
Polícia cumpre mandados de prisão contra acusado de praticar roubos na Grande IlhaMárcio de Jesus Soares Rodrigues, conhecido como "Marcinho", de 38 anos. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS - A Polícia Civil do Maranhão, após oito meses de investigações, deu cumprimento a três mandados de prisão preventiva em desfavor de Márcio de Jesus Soares Rodrigues, conhecido como "Marcinho", de 38 anos.

A prisão de Márcio de Jesus Soares foi realizada nesta terça-feira (16). Segundo a polícia, o homem foi identificado como líder de uma associação criminosa responsável por, pelo menos, quatro crimes de roubo na Região Metropolitana de São Luís.

Ainda de acordo com informações da Polícia Civil, o bando liderado por “Marcinho” praticou vários roubos em 2018, sendo: um roubo a empresa situada na Estrada de Ribamar, no dia 20 de abril; assalto a uma residência situada no Habitacional Turu, em 11 de abril; outro roubo a residência no bairro do Cohafuma, em 2 de junho; e uma tentativa de roubo a residência no dia 9 de junho, no bairro do Olho D’Água, ocasião em que parte do bando foi presa em flagrante, por equipes da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV).

Saiba mais sobre roubo a residências.

Na tentativa de roubo a residência no Olho D’Água, Márcio de Jesus Soares conseguiu fugir da ação policial, mas acabou sendo preso na última sexta-feira (12), em cumprimento a mandado de prisão oriundo do interior do Estado. E, nesta terça, a Polícia Civil cumpriu outros mandados de prisão contra Márcio de Jesus. Após as formalidades legais, “Marcinho” será reconduzido ao Sistema Penitenciário, onde permanecerá à disposição da Justiça.

A Polícia Civil afirma que a associação criminosa, liderada por Márcio de Jesus Soares Rodrigues, já foi quase que inteiramente desarticulada, já tendo sido presos pela DRF e DRFV, além de “Marcinho”, os indivíduos: Josué Gusmão Sousa Júnior, conhecido como “Pé de Pato”; Willian Danclay Silva Pereira, conhecido como “Maiobão”; Lindomar Lopes Catanhede, o “Negueba”; Diego Sodré Pereira, chamado de “Xará”; Elegilson Serrão Reis, conhecido como “Bileu”; Diego Araújo dos Santos, o “Diego Diabão”; e Manoel Valdeci Martins Júnior, conhecido como “Manolo”.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.