Após a paralisação

Supermercados de São Luís voltam a ser reabastecidos

O setor de hortifruti, um dos mais afetados durante a manifestação, ainda depende de um liberação de bloqueios no país.
Imirante.com30/05/2018 às 14h57
Supermercados de São Luís voltam a ser reabastecidos

SÃO LUÍS – Após dez dias de paralisação dos caminhoneiros no país, os supermercados começam a reabastecer as lojas da capital com a linha seca (arroz, farinha, feijão, biscoito e outros) segundo informou representante de uma das maiores redes de supermercados do Estado.

O setor de hortifruti, um dos mais afetados durante a manifestação, ainda depende de um liberação de bloqueios no país por serem produzidos em outros Estados. “Acreditamos que dentro de, no máximo, cinco dias tudo estará normalizado”, disse a representante da rede.

Leia também:

Desabastecimento da CEASA preocupa; 80% dos postos da ilha possuem combustíveis

Bloqueios nas estradas causam prejuízo de R$ 6,6 bi para produtores

Abastecimento de combustíveis é normalizado gradativamente no país

Sobre o abastecimento de carnes, a rede informou que no sétimo dia de paralisação do caminhoneiros foi sentido o desabastecimento, mas foi realizada uma compra com fornecedor local para contornar o problema. “Desde ontem já conseguimos abastecer todas as loja de São Luís”.

CEASA

Na Central de Abastecimento do Maranhão (CEASA-MA) o desabastecimento chega a 87%, segundo o presidente Milton Gadelha. A instituição recebe em média 37 caminhões por dia. Nesta quarta-feira (30), apenas três caminhões eram esperados.

Pontos liberados no Estado

De acordo com a PRF, dos 7 pontos na circunscrição da Delegacia da Polícia Rodoviária Federal do Maranhão (PRF-MA), com sede na cidade de Imperatriz, somente 2 ainda tem bloqueio parcial, segundo informou a PRF.

Km 663 da BR–222, em Pequiá, a passagem foi totalmente liberada

Trecho seco 299 da BR–010, liberada totalmente, mas com situação instável

Km 246 da BR–010, no Vale do Sol, liberada

Km 230 da BR–010, no posto Bananal, liberada totalmente

Km 225 da BR–010, em Ribeiraozinho, via liberada

KM 133 da BR–010, em Estreito, os caminhoneiros estão liberando somente carga essencial. Já caminhões com combustível somente com escolta.

Km 413 da BR-010, trecho liberando somente para carga essencial. Já caminhões com combustível somente com escolta.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.