Educação

Provinha Brasil é aplicada para mais de 7 mil estudantes em SL

Prova mede alfabetização de estudantes do ensino fundamental.
Imirante.com03/05/2016 às 20h57

SÃO LUÍS - A Secretaria Municipal de Educação (Semed), realiza a I Etapa da Provinha Brasil para 7.691 alunos distribuídos em 295 turmas, totalizando 590 aplicações, até sexta-feira (6). Serão avaliadas aptidões relativas à alfabetização e ao letramento inicial em Língua Portuguesa (Leitura) e alfabetização Matemática dos estudantes que estão iniciando o 2º ano do Ensino Fundamental.

A avaliação é elaborada e distribuída pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP/MEC) e, em São Luís, tem parcerias das Universidades Estadual do Maranhão (Uema) e Universidade Federal do Maranhão (Ufma). Os monitores do Programa Mais Educação também estão dando suporte na aplicação da Provinha.

O secretário municipal de Educação, Moacir Feitosa, ressalta que a avaliação aponta novos encaminhamentos e estratégias para sanar as dificuldades de aprendizagem percebidas durante o processo de alfabetização, em tempo hábil. "Identificar as habilidades que os estudantes já dominam e outras que ainda estão em desenvolvimento traz ao professor a possibilidade de ter uma referência para elaboração do seu planejamento e para o estabelecimento de metas do trabalho pedagógico que será desenvolvido visando à elevação dos níveis de aprendizagem dos estudantes", diz Moacir.

A Coordenadora Municipal da Provinha Brasil 2016, Vera Lúcia Gonçalves Pires, explica que a avaliação acontece em duas etapas: "A primeira etapa é realizada no início do ano letivo e a segunda etapa ao final. Essa avaliação se constitui em um instrumento comparativo de avaliação diagnóstica que deve ser utilizado pelos professores na Provinha Brasil", informa.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.