Após ataques

Segurança em escolas de São Luís é feita pela PM

O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro, falou sobre a questão.
Imirante.com, com informações da Mirante AM21/09/2015 às 09h04

SÃO LUÍS – Após reunião da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), foram disponibilizados carros para que sejam feitas rondas em escolas da rede municipal em São Luís. A informação é do secretário municipal de Educação, Geraldo Castro, que falou sobre a questão na manhã desta segunda-feira (21) à Rádio Mirante AM.

Segundo ele, o ataque “criminoso” à Unidade de Ensino Básico Santa Clara partiu de conflitos nas comunidades. “Pedimos que qualquer alteração seja comunicada ao 190 para que a polícia possa tomar as medidas cabíveis”, fez o apelo. “Queimar uma escola é um ato monstruoso”, destacou.

Está prevista para esta terça-feira (22) uma reunião na escola, que hoje está passando por um trabalho perícia do Corpo de Bombeiros.

Ele, também, esclareceu que a secretaria esteve em contato com a família da adolescente ferida durante ataque à Unidade de Ensino Básico Estudante Edson Luís de Lima Souto, situada no bairro da Gancharia, para prestar assistência.

A segurança das escolas do município ficou comprometida já que estão sem vigilantes. O secretário informou que o processo de contratação de uma nova empresa qe prestará o serviço está em fase de transição.

O prédio da U.E.B. Santa Clara foi atingido por incêndio na tarde deste domingo (20), e a U.E.B. Edson Luís de Lima Souto foi invadida, na última sexta-feira (18), por bandidos que quebraram janelas.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.