São Luís

Feira do Livro começa nesta sexta-feira (23), no Ceprama

Entre os escritores convidados estão: Francisco Seabra e Ricardo Chacal.
Divulgação/Func 22/11/2012 às 23h31

SÃO LUÍS - A partir desta sexta-feira (23), iniciará a Feira do Livro de São Luís, onde o público terá a oportunidade de participar de sessões literárias, debates e bate-papos informais com seus escritores preferidos. Entre os autores nacionais foram convidados a discutir temas como processo de criação, ideias, livros, personagens e gêneros em sessões descontraídas e perto dos seus leitores, nomes como: Afonso Romano de Sant’Anna, Ricardo Chacal, Francisco Seabra, Anna Maria Brasil e Alexandre Azevedo.

“Só um grande evento como a Feira do Livro para possibilitar o encontro de grandes protagonistas: autores, escritores, poetas, jornalistas e pensadores, com o público leitor. Por meio da Feira, buscamos manter a tradição desse passado literário, que vem desde Gonçalves Dias e daquela geração que perpetuou São Luís como a Atenas Brasileira”, ressalta o presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Euclides Moreira Neto.

Além dos convidados nacionais, cerca de trinta escritores locais, também, integram a programação da Feira com lançamento e relançamentos de livros, bate-papo e roda de conversa. Entre eles, destaque para professores e estudantes da rede municipal de ensino, que lançarão livros como “Mestre Felipe por ele mesmo”, de Sérgio Luís da Costa e “São Luís, 400 anos em cordel”, dos alunos da UEB São Raimundo.

Escritores nacionais

Entre os escritores convidados para a 6ª edição da Feira, o destaque vai para Francisco Seabra e Ricardo Chacal, que participam pela primeira vez do evento. O astrólogo e escritor Francisco Seabra falará sobre o livro “O Evangelho segundo a Astrologia”, que versa sobre a vida de Jesus de Nazaré e apresenta também uma audaciosa versão sobre os fatos contidos no Novo Testamento a respeito do nascimento, vida, morte e suposta ressurreição do Messias. A partir de um documento real – o mapa astral de Jesus, calculado por Jean Baptiste Morin de Villefranche, no século XVII –, Francisco Seabra faz um cotejamento entre os dados encontrados e os fatos narrados pelas escrituras. O resultado é uma história tocante, na qual o Nazareno aparece como um místico que encanta multidões e provoca o ódio em líderes políticos e religiosos de Israel.

Já o roteirista, poeta, escritor, performer e produtor cultural, Ricardo Chacal falará sobre sua produção artística e literária em seus 41 anos de carreira. Com catorze livros publicados, Chacal trabalhou como roteirista para TV Globo e TV Educativa. Como produtor cultural e performer, idealiza, dirige ou se apresenta em diversos eventos no Brasil e em países como Estados Unidos, Argentina e Equador. Além disso, tem parcerias musicais com grandes nomes da MPB e do Rock como Blitz, Lulu Santos, Barão Vermelho, 14 Bis, Fernanda Abreu, Moraes Moreira, entre outros. Na Feira, versará sobre seu livro de poemas “Murundum”, lançado este ano.

Foto:Divulgação

Programação variada

Seminários, palestras, programação infantil, teatro, música e mais de setenta mil títulos expostos para comercialização também integraram a programação do maior evento literário do Estado. A Feira do Livro de São Luís será realizada, este ano, no período de 23 de novembro a 2 de dezembro, no Ceprama (Madre Deus) e traz como tema “São Luis, 400 anos escrevendo nos livros sua história”.

Promovido pela Prefeitura de São Luís, por meio da Func, a Feira conta com a correalização do Serviço Social do Comércio e da Secretaria de Estado do Turismo, e a parceria da Vale, Ministério Público, Associação dos Livreiros do Estado do Maranhão, Secretaria Municipal de Educação, Academia Maranhense de Letras e Associação Maranhense de Ciências Contábeis.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.