Política | CPI da Covid

Senador pede convocação de Edivaldo Jr.; ex-prefeito não vê problema

No documento, o parlamentar pede que o ex-gestor dê explicações sobre fatos investigados pela Polícia Federal no âmbito da Operação Cobiça Fatal
Gilberto Léda da editoria de Política26/05/2021 às 10h31
Senador pede convocação de Edivaldo Jr.; ex-prefeito não vê problemaA. Baêta

SÃO LUÍS - O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) protocolou na terça-feira, 25, requerimento solicitando a convocação do ex-prefeito Edivaldo Holanda Júnior (sem partido), de São Luís, pela CPI da Covid.

No documento, o parlamentar pede que o ex-gestor dê explicações sobre fatos investigados pela Polícia Federal no âmbito da Operação Cobiça Fatal, desencadeada no ano passado, contra supostas fraudes em processo de aquisição de máscaras cirúrgicas descartáveis objetivando desviar recursos públicos federais que deveriam ser usados no enfrentamento da pandemia na capital.

Em manifestação nas redes ainda na noite de ontem, se disse surpreendido com rumores sobre uma possível convocação para prestar esclarecimentos sobre a gestão da pandemia da Covid-19”, mas afirmou não ver “problema algum” no pedido, porque não é investigado no caso.

“Não sou e nunca fui investigado, portanto não tenho o meu nome manchado por qualquer conduta que me desabone como cidadão ou gestor público. Como ex-prefeito, com tranquilidade me coloco à disposição para ajudar no que for necessário para informar sobre as medidas que adotamos para o enfrentamento da pandemia em São Luís”, disse.

O requerimento deve ser apreciado pelos membros da comissão nesta quarta-feira, 26.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte