Política | Covid-19

Técnica é presa acusada de desviar doses de vacina contra a Covid-19 destinada a indígenas

Polícia Federal instaurou inquérito para apurar a conduta de uma técnica de enfermagem que integra a equipe de profissionais do Polo Base de Barra do Corda
Thiago Bastos/ Da Editoria de Política20/04/2021 às 10h05
Técnica é presa acusada de desviar doses de vacina contra a Covid-19 destinada a indígenas Técnica de enfermagem é acusada de desviar vacinas destinadas a indígenas para aplicar em três parentes (Divulgação)

São Luís - A Polícia Federal (PF) instaurou inquérito para apurar a conduta de uma técnica de enfermagem que integra a equipe de profissionais do Polo Base de Barra do Corda (MA) que, segundo apuração preliminar, teria desviado doses de vacina CoronaVac destinada à imunização da população indígena. Segundo a PF, a profissional teria aplicado em três familiares as doses.

Para verificar o caso, uma equipe da Polícia Federal se deslocou aos Municípios de Barra do Corda e de Jenipapo dos Vieiras para o recolhimento dos depoimentos dos envolvidos. Na oportunidade, a técnica de enfermagem confessou a prática delitiva e os parentes vacinados também confirmaram o recebimento das doses da vacinação.

Com o andamento das investigações, ainda de acordo com a Polícia, foi possível verificar que um enfermeiro subordinado a técnica de enfermagem que acompanhou a vacinação indevida de dois parentes desta, tendo, inclusive, feito os registros da vacinação irregular de um deles.

Com isso, a Polícia Federal indiciou a técnica de enfermagem no crime de peculato e o enfermeiro no crime de peculato a título de omissão imprópria.

Outras informações sobre o caso ainda serão repassadas pela Polícia.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte