Cidades | Trânsito

Motoristas surpreendidos com alteração de tráfego no Anel Viário

Modificação do trânsito na área passou a vigorar desde ontem (1º), por causa das obras de urbanização em realização na região do Anel Viário, no centro de São Luís
Ismael Araújo / O Estado02/09/2020
Motoristas surpreendidos com alteração de tráfego no Anel Viário Mudanças no trânsito deixaram confusos quem passava pela região do Anel Viário e precisava de vans (Paulo Soares / O Estado)

SÃO LUÍS - A alteração do tráfego na extensão da Avenida Senador Vitorino Freire, no Centro, que começou ontem por causa das obras de urbanização da Fonte do Bispo e entorno, na área do Anel Viário, pegou de surpresa muitos motoristas desprevenidos, e transeuntes. A obra faz parte do projeto de revitalização desse espaço, que prevê a regularização e melhoria das condições da localidade, principalmente de pontos comerciais.

O técnico em administração, Paulo Silva, de 32 anos, não sabia da modificação do trânsito desse ponto da cidade e foi pego de surpresa. “Esse local é de passagem para ir ao meu serviço. Passo diariamente e olhava as placas de ordem de serviço, mas não fiquei atento aos avisos das mudanças no trânsito”, lamentou Paulo Silva.

A enfermeira Ana Silva, de 45 anos, também foi surpreendida com a mudança no trânsito. “Sou acostumada a passar por esse ponto da cidade, mas não fiquei ligada que a modificação no trânsito seria ainda nesta semana”, comentou.

O estudante Márcio Antônio Gomes, de 18 anos, não tinha conhecimento do ponto exato que poderia pegar uma van para ir ao município de São José de Ribamar. “Geralmente, tenho acesso a esse transporte na parada de coletivos em frente ao Anel Viário, mas no momento o trânsito acabou mudando e até mesmo a parada dos coletivos”, contou Márcio Gomes.

Tráfego

Agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) estavam desde 6h da manhã de ontem, 1º, na avenida, orientando e disciplinando o trânsito nessa via. A alteração do tráfego afetou a rota dos motoristas que transitavam no sentindo Terminal da Praia Grande ao bairro Areinha.

Com a mudança é de caráter provisória, os condutores de carro de passeio e coletivos estão passando pela pista da Passarela do Samba e seguindo direto para retomar a via regular da Avenida Vitorino Freire, em direção à Rua das Cajazeiras.

No dia primeiro do mês de agosto, também ocorreu mudança provisória no trânsito desta avenida. Houve o fechamento de uma das rotatórias, atingindo as vias da Fonte do Bispo, no sentido da Barragem do Bacanga; Fonte do Bispo no sentido Cajazeiras e no sentindo do Terminal da Praia Grande. O trânsito foi controlando pelos agentes da SMTT.

Ato de protesto

Os motoristas de van que fazem o transporte de passageiros para a Baixada Maranhense, realizaram ontem, 1º, um ato de protesto no Anel Viário, insatisfeitos com o local disponibilizado pela Prefeitura para servir de ponto de base para as vans de viagem. No momento, o serviço é composto por 78 vans, atende a 28 cidades do Maranhão e, diariamente, chega a transportar cerca de mil passageiros.

Sá Mica, que é presidente da Cooperativa do Transporte Alternativo da Baixada Maranhense, disse que a Prefeitura disponibilizou para a categoria um ponto, localizado nas proximidades do Kabão, mas, segundo ele, não possui estrutura. “Esse local não possui energia elétrica e não é seguro para os motoristas e os passageiros”, frisou a presidente.

Henrique Vieira é motorista de van, e contou que esse novo terreno pertence à União e a categoria ficou ciente que pode até mesmo ser multado. “Não somos contra a reforma dessa localidade e apenas queremos um ponto seguro para trabalhar e pegar os nossos passageiros. Inclusive, a categoria, por meio dos seus advogados, impetrou um processo administrativo na Superintendência Pública da União solicitando um local de segurança”, contou o motorista.

Sempe

A Secretaria Municipal de Projetos Especiais (Sempe) informou ontem, por meio de nota, que todo o projeto de requalificação do Terminal da Fonte do Bispo é fruto de um processo democrático, que buscou compatibilizar todas as necessidades dos públicos envolvidos e obedeceu um processo participativo, no qual todos os cidadãos diretamente envolvidos fossem parte nas decisões.

A Sempe ainda esclareceu que a obra de reforma do terminal segue conforme planejado, e ainda que toda a infraestrutura para os motoristas de vans foi providenciada, como: fornecimento de energia elétrica, banheiros químicos e pavimentação.

A Secretaria também ressaltou que as demais necessidades estão sendo providenciadas, pelos órgãos competentes. Reforça que a revitalização do espaço atende a anseios antigos da população e o trabalho está sendo desenvolvido para proporcionar à cidade uma área apropriada e adequada para uso de todos.

SAIBA MAIS

Obra

segundo semestre deste ano. Atualmente, está em andamento o sistema de drenagem profunda que deverá acabar com os alagamentos que afetavam a área. Esta é a primeira vez, desde 1986, que o logradouro passa por uma ampla reforma, abrangendo o espaço por completo. O projeto de revitalização desse espaço prevê a regularização e melhoria das condições dos pontos comerciais existentes e a inclusão de novos equipamentos públicos, como, além dos quiosques, o mobiliário urbano, a exemplo de bancos e lixeiras. Também faz parte do projeto a acessibilidade de todo o logradouro, tornando-o inclusivo e seguro para a comunidade.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte