Cidades | Combate ao fogo

66 dos 72 edifícios vistoriados estão com sistemas de incêndio irregulares

Responsáveis pelos edifícios têm prazo de 30 dias para regularizarem situação; nova inspeção será realizada após a data especificada
Ismael Araújo / O Estado28/08/2020 às 00h01
66 dos 72 edifícios vistoriados estão com sistemas de incêndio irregularesInspeções dos Bombeiros aconteceram durante três dias e percorreram inicialmente condomínios verticais (Divulgação)

São Luís - O comando do Corpo de Bombeiros do Maranhão (CBMMA) deu prazo de 30 dias para que os responsáveis pelo prédios onde foram constatadas irregularidades no sistema de combate a incêndios, regularizem a situação. Desde segunda-feira (24) até o último dia 26, um total de 72 prédios residenciais de São Luís foram vistoriados pelos bombeiros durante a Mega Operação de Vistorias Técnicas, sendo constatadas irregularidades em 66 dessas edificações.

O comandante do CBMMA, coronel Célio Roberto, informou que, neste primeiro momento, a ação teve como foco os condomínios verticais. Em 66 prédios foram constatadas pendências, principalmente, no sistema preventivo de combate a incêndios e pânico. Os responsáveis por esses edifícios foram notificados e têm 30 dias para sanar essa problemática. Ainda no decorrer deste semestre, esses imóveis serão submetidos a nova fiscalização dos bombeiros.

O coronel também informou que, durante esse trabalho, os moradores dos condomínios receberam orientações dos bombeiros sobre a forma correta de agirem durante a ocorrência de incêndio. “A operação visa ainda garantir que os sistemas preventivos dos prédios funcionem de forma adequada e possam ser utilizados em caso de sinistro, preservando a vida e bens da população”, frisou Célio Roberto.

Operação

No decorrer da operação, os bombeiros realizaram diversos testes, como de pressão de bombas de combate a incêndio, alarme de emergência, das luzes de emergência, dos chuveiros sprinklers, foram verificados o prazo de validade de extintores de incêndio e se o acesso das viaturas de combate a incêndio estão em conformidade com Norma Técnica 08 do CBMMA, além da cobrança da atualização do certificado de aprovação (C.A).

O capitão do CBMMA, Nascimento, frisou que esse tipo de trabalho é realizado durante todos o ano pela equipe da Diretoria de Atividades Técnicas (DAT) do CBMMA, mas, é necessário que os síndicos e os procuradores legais dos condomínios regularizem as exigências listadas pelos bombeiros miliares.

Incêndio

Um apartamento em um prédio residencial, localizado no Calhau, incendiou-se na noite do último dia 19. Os moradores ficaram apavorados e o local foi interditado pelo CBMMA. Os bombeiros encontraram dificuldade em controlar as chamas.

O CBMMA informou que o incêndio pode ter sido provocado poro um curto-circuito, mas ainda não foi divulgado o resultado da perícia. Ainda foi constatado que os itens de segurança dessa edificação estavam sem manutenção e o gestor do local foi notificado.

SAIBA MAIS

Outra fiscalização

Onze pessoas foram presas em flagrante por prática de poluição sonora durante a Operação Harpócrates (Deus do silêncio na mitologia grega) realizada na Ilha durante a noite do último dia 26 pelo Ministério Público do Maranhão em parceria com as Policias Militar e Civil e o Corpo de Bombeiros Militar.

Todos os detidos estavam trafegando com motociclistas com canos de descargas adulterados, sem silenciador, com o propósito de causar barulho. As motos foram apreendidas e, após a vistoria dos legistas do Instituto de Criminalística do Maranhão (Icrim), os canos de descargas irregulares deverão ser substituídos por canos regulares, permitidos pela legislação. Após esse procedimento, as motos são liberadas aos proprietários.

Enquanto, os condutores vão responder pela prática de crime ambiental (poluição sonora), previsto no artigo 54 da Lei nº 9.605/1998 (Lei de Crimes Ambientais. Eles também devem pagar uma fiança no valor de R$ 1.045 e uma multa será encaminhada pela Secretarias Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís (SMTT), conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Números

72 prédios residenciais da capital foram vistoriados durante a Mega Operação de Vistorias Técnicas

66 edificações foram constatadas irregularidades pelos bombeiros militares

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte