Polícia | Criminalidade

Adolescente grávida é vítima de feminicídio na Baixada maranhense

Dulcimara Pinto Ferreira, de 16 anos, que já tinha outro filho com o suspeito, foi morta com um tiro na cabeça
Ismael Araújo / O Estado 28/07/2020

SÃO LUÍS - Feminicídio, linchamento e mortes a golpes de faca ocorreram durante o fim de semana na Baixada Maranhense. A polícia ainda ontem não havia efetuado a prisão de um homem, nome não revelado, suspeito de ter assassinado a sua ex-companheira, Dulcimara Pinto Ferreira, de 16 anos. De acordo com a polícia, o crime ocorreu no povoado Arrebenta, zona rural de São João Batista, no último dia 25, e a adolescente estava gestante de três meses.

Estamos vivendo uma situação onde o senso de coletividade, a prevenção e conscientização são fundamentais. Em momentos como esse, a informação não tem preço. Por esse motivo o jornal O Estado está liberando o acesso gratuito a todo o seu conteúdo. Fique em casa e bem informado. Leia O Estado.

Já tenho cadastro

entrar

Ainda não tenho cadastro

Cadastre-se

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte