Política | Covid-19

Ação pede devolução de R$ 4,9 mi pagos pelo MA por respiradores

Deputado Edilázio Júnior acionou a Justiça devido à compra de respiradores pelo consórcio dos governadores do Nordeste e que nunca foram entregues
Gilberto Léda/ Da editoria de Política09/06/2020

O deputado federal Edilázio Júnior (PSD), deu, ontem, entrada na 21ª Vara Cível de Brasília, a ação popular, com pedido de liminar, para que o Estado do Maranhão, o Consórcio Nordeste e a HempCare Pharma sejam obrigados a devolver aos cofres públicos os mais de R$ 4,9 milhões que o governo Flávio Dino (PCdoB) repassou ao colegiado de governadores nordestinos para a compra de 30 respiradores que seriam utilizados em UTIs de Covid-19, mas que nunca foram entregues pela empresa. O pagamento foi feito de forma antecipada.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

Assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte