Cassação

Márcio Jerry pode ser relator de ação contra Eduardo Bolsonaro

O comunista maranhense integra, junto com Eduardo Costa (PTB-PA) e Márcio Marinho (PL-BA), a lista tríplice de onde será definida a relatoria.

Gilberto Léda

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h22
(Márcio Jerry)

O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA) pode ser o relator de uma das ações que tramitam no Conselho de Ética da Câmara contra o deputado Eduardo Bolsonaro.

O comunista maranhense integra, junto com Eduardo Costa (PTB-PA) e Márcio Marinho (PL-BA), a lista tríplice de onde será definida a relatoria.

As listas de todos os processos protocolados contra o parlamentar pelo estado de São Paulo foram sorteadas nesta terça-feira, 26.

A ação que pode ficar sob responsabilidade de Jerry foi apresentada pelo PSL em virtude de alegadas ofensas trocadas entre Eduardo Bolsonaro e a deputada Joice Hasselmann depois que ela perdeu a liderança do governo no Congresso.

Segundo o processo, que é assinado pelo presidente nacional do PSL, Luciano Bivar (PE), Eduardo promoveu uma “campanha difamatória e injuriosa” e um verdadeiro “linchamento virtual” com ofensas e ataques pessoais contra Joice depois que ela decidiu apoiar a manutenção do Delegado Waldir (PSL-GO) na liderança do PSL na Câmara.

Listando ataques como a nota falsa de R$ 3 estampada com o rosto de Joice e a campanha #DeixedeSeguiraPepa que Eduardo publicou no Twitter, o processo também acusa o deputado de decoro parlamentar, mas não indica qual seria a melhor punição para o caso.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.