Esporte | Final da Série C

Capitão exalta força do Sampaio e disse que deve ficar em 2020

Paulo Sérgio lamentou gols sofridos, elogiou o desempenho do Tricolor e afirmou: "Ainda tenho muito para dar"
06/10/2019 às 19h06
Capitão exalta força do Sampaio e disse que deve ficar em 2020 Paulo Sérgio deve permanecer no Sampaio em 2020 (Lucas Almeida/Sampaio)

SÃO LUÍS – Um dos símbolos da campanha do acesso à Série B, o capitão Paulo Sérgio, que não participou do primeiro confronto com o Náutico, quando o Sampaio perdeu por 3 x 1, foi um dos atletas que mais lutou em campo, neste domingo (6), no empate por 2 x 2 com o Timbu, que ficou com o título da Série C. O camisa 3 chegou a mandar uma bola na trave no fim do segundo tempo. O zagueiro fez questão de exaltar o desempenho do time, falou também sobre sua volta aos gramados e deixou bem claro que pretende ficar na Bolívia Querida em 2020.

O capitão iniciou sua análise sobre esses dois confrontos diante da equipe pernambucana lamentando os gols sofridos no primeiro empate. “Infelizmente pecamos, tomamos dois gols que não podíamos tomar. Nós éramos mais time, mas infelizmente não deu. O Sampaio é grande, merecia esse caneco. Tivemos dois pênaltis não marcados hoje. Nós saímos de cabeça erguida daqui”, disse.

Paulo Sérgio lembrou também do seu retorno aos gramados, depois de mais de anos lesionado. “Recebi proposta da Série B, preferi ficar, dá seguimento na minha carreira aqui. Ao lado da minha família, meus amigos”, comentou o capitão, que disse também que o seu pensamento é permanecer no Sampaio na próxima temporada. “Temos ainda que conversar. Ainda tenho muito para dar ao Sampaio".

Em 2020 o Sampaio vai disputar o Estadual, a Série C e ainda depende do ranking da CBF para saber se vai participar da Copa do Brasil.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte