Política | Investigação

Comissão da Câmara instaura investigação contra saques no Itaqui

Procedimento de Fiscalização, que tem o efeito de uma espécie de CPI, vai apurar movimentação de R$ 140 milhões das contas do porto maranhense; Edilázio é autor de requerimento em Brasília
Ronaldo Rocha da editoria de Política06/07/2019

A Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara Federal instaurou Procedimento de Fiscalização e Controle (PFC) [investigação] para apurar saques irregulares de R$ 140 milhões dos cofres do Porto do Itaqui, gerenciado pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap).

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte