Polícia | Julgamento

PM do Maranhão que matou colega no Piauí pode ir a júri este ano

A informação é do MP piuiense que acredita que o réu será submetido a júri popular no início do segundo semestre; vítima foi assassinada na frente do filho
Ismael Araújo20/06/2019

SÃO LUÍS - O Ministério Público do Piauí (MP-PI) informou, ontem, que o soldado da Polícia Militar do Maranhão, Francisco Ribeiro dos Santos Filho, pode ser submetido ao Júri Popular até o início do segundo semestre deste ano. O policial maranhense responde pelo assassinato a tiros o cabo da Polícia Militar do Piauí, Samuel de Sousa Borges, no dia 1º de fevereiro de 2019. O crime ocorreu na frente do filho da vítima, nas proximidades de uma escola na zona leste de Teresina.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte